Sobral – 300×100
Seet

Embaixador de Taiwan no Brasil faz visita ao Tocantins

admin -

<span style="font-size:14px;"><u>Da Reda&ccedil;&atilde;o</u><br />
Portal <em>AF</em> Not&iacute;cias<br />
<br />
O embaixador de Taiwan no Brasil, Meng-Hung Tsai, a</span><span style="font-size:14px;">tra&iacute;do pelo potencial produtivo do Tocantins,</span><span style="font-size:14px;">&nbsp;esteve na Federa&ccedil;&atilde;o das Ind&uacute;strias do Estado (FIETO) na manh&atilde;&nbsp;desta quinta-feira (20) e foi recebido pelo vice-presidente da institui&ccedil;&atilde;o empres&aacute;rio Carlos Augusto Suzana.<br />
<br />
Durante a visita, que faz parte das a&ccedil;&otilde;es que vem sendo desenvolvidas pelo governo estadual para promover o desenvolvimento industrial do Tocantins, Tsai disse que seu pa&iacute;s, embora seja um dos maiores exportadores de tecnologia da informa&ccedil;&atilde;o e comunica&ccedil;&atilde;o do mundo, &eacute; carente de recursos naturais e &aacute;reas produtivas, fazendo com que o governo tenha como prioridade buscar meios de garantir a seguran&ccedil;a alimentar da popula&ccedil;&atilde;o.<br />
<br />
&ldquo;<em>Temos que importar mat&eacute;ria-prima de outros pa&iacute;ses e depois processar para exporta&ccedil;&atilde;o</em>&quot;, afirmou, acrescentando que a economia do Tocantins pode ser beneficiada caso sejam firmadas parcerias com empresas locais.<br />
<br />
Carlos Suzana, que tamb&eacute;m &eacute; presidente do Sindicato das Ind&uacute;strias Beneficiadoras de Arroz do Tocantins (Sindiato) destacou as potencialidades do estado e deixou evidente o interesse dos empres&aacute;rios em manter rela&ccedil;&otilde;es comerciais com Taiwan. &ldquo;<em>Atualmente a pauta de exporta&ccedil;&atilde;o do Tocantins &eacute; baseada no agroneg&oacute;cio, tendo gr&atilde;os e carnes e derivados como os principais produtos&rdquo;</em>, ressaltou.<br />
<br />
&ldquo;<em>Dizem que o Brasil tem potencial para ser o celeiro do mundo, e o Tocantins tem esse potencial a ser desenvolvido em fun&ccedil;&atilde;o de sua condi&ccedil;&atilde;o clim&aacute;tica prop&iacute;cia a uma s&eacute;rie de culturas que favorecem o agroneg&oacute;cio, al&eacute;m de uma excelente log&iacute;stica</em>&rdquo;, afirmou Luciano Carvalho Rocha, empres&aacute;rio e conselheiro da FIETO, que tamb&eacute;m participou da recep&ccedil;&atilde;o ao embaixador. Rocha reiterou ainda o interesse da Federa&ccedil;&atilde;o em fazer com que empresas tocantinenses estabele&ccedil;am rela&ccedil;&otilde;es comerciais com Taiwan.</span><br />
<br />
<br />

Comentários pelo Facebook: