Advogado e sobrinho da primeira-dama do Estado é suspeito de atirar no próprio irmão

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O caso ocorreu no setor Entroncamento

Márcia Costa//AF Notícias

O advogado Reinaldo Pagani é o suspeito de atirar no próprio irmão, Clarindo Pagani, na Rua Porto Nacional, setor Entroncamento, em Araguaína, por volta das 14h42 desta quinta-feira (04). Os dois são sobrinhos da deputada federal e primeira-dama do Estado, Dulce Miranda (PMDB).

De acordo com informações, Clarindo Pagani estava sentado em frente a uma oficina mecânica, quando o seu irmão se aproximou numa caminhonete Hilux, de cor branca. Ele sacou uma arma de fogo em seguida e efetuou o disparo.

Reinaldo Pagani teria fugido do local antes da chegada dos policiais. O irmão dele foi atingido na região do tórax. Os dois irmãos são sócios na administração da oficina. Não hã informações sobre o motivo da tentativa de homicídio.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e conduziu Clarindo Pagani ao Hospital Regional de Araguaína. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Matéria atualizada nesta sexta, 05.

Comentários pelo Facebook: