Bandidos furtam violão de cantor pela 3ª vez em Araguaína: ‘é revoltante a insegurança’, diz

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O cantor

Márcia Costa//AF Notícias 

O cantor e cabeleireiro Valder Aires teve o seu instrumento musical furtado pela terceira vez em Araguaína. O último crime ocorreu na madrugada de segunda-feira (5), na Avenida Contorno, Vila Couto Magalhães.

Valder disse que os criminosos quebraram três cadeados do salão de beleza, arrombaram a porta e fizeram ‘um limpa’ no local. Os bandidos levaram máquinas de cortar cabelo, secador, navalha, notebook, som e o violão. Os moradores ouviram barulho no momento em que os ladrões arrombavam o estabelecimento, mas não conseguiram distinguir a direção.

Há cerca de quatro meses, quando morava em outro bairro, o violão do músico foi furtado e o salão arrombado pelos criminosos. Posteriormente, o cantor comprou outro instrumento, mas também foi furtado.

“A segunda vez que levaram meu violão foi no final de 2015. Os bandidos roubaram meu carro e o instrumento estava dentro. Eu consegui recuperar o veículo graças a Deus, mas não sei o paradeiro do violão até hoje”, contou.

Para Valder Aires, a música é algo muito prazeroso, apesar de não garantir o seu sustento. Por isso, ele comprou um novo violão pela terceira vez. Mas depois dos três furtos, o cabeleireiro está revoltado com a insegurança na cidade.

“É revoltante a falta de segurança na cidade. Não sei qual a razão da falta de investimento do Governo do Estado nessa área. Comprei três violões e todos foram levados. Faço música porque gosto disso, porque é prazeroso”, desabafou..

Valder registrou a ocorrência do terceiro roubo na Polícia Militar e não confirmou se vai comprar um quarto violão.

Comentários pelo Facebook: