BR-153 segue interditada em Araguaína, Colinas, Nova Olinda e em mais quatro pontos no Tocantins

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação/PRF
Os caminhoneiros interditam a BR-153 em sete pontos

O protesto nacional dos caminhoneiros contra o preço dos combustíveis chegou ao segundo dia nesta terça-feira (22). No Tocantins, a manifestação se concentra na BR-153, com interdição em Araguaína, Colinas, Nova Olinda e em mais quatro pontos.

As interdições começaram nesta segunda-feira (21) em Paraíso, em frente ao Posto Milena, KM 492; em Gurupi, em frente ao Posto Mutucão, no KM 674 e em Fortaleza do Tabocão, em frente ao Posto Tabocão, KM 360.

Mas também há protesto em Colinas do Tocantins, em frente ao Posto Minas Petro, km 245; Nova Olinda, em frente a balança, km 208,7; Araguaína, em frente ao Posto Toca da Onça, km 152.

Outro ponto interditado da BR-153 é em Alvorada, em frente ao Posto Canto Verde, km 761. Ainda há protesto dos caminhoneiros na BR-235, km 164, Município de Pedro Afonso, entre a Ponte sobre o Rio Tocantins e o trevo da cidade.

A Polícia Rodoviária Federal está acompanhando toda a movimentação dos caminhoneiros. Houve várias tentativas de interdição total da BR-153, mas o trânsito está liberado em todos os trechos onde há o protesto para veículos que não sejam de carga.

Comentários pelo Facebook: