Candidatos ao Governo do Tocantins alimentam expectativa de vitória no 1º turno; acompanhe a votação

Agnaldo Araujo -
Foto: José Cruz/Agência Brasi
Cinco dos sete candidatos que disputam a eleição suplementar desse domingo (3) já votaram na capital

Nielcem Fernandes // AF Notícias

Cinco candidatos a governador do Tocantins na eleição suplementar deste domingo (3) já votaram na capital.

O procurador federal Mário Lúcio Avelar (PSOL) foi o primeiro a comparecer às urnas. Ele chegou por volta das 8h30mim no Colégio Militar em Palmas acompanhado de assessores e familiares.

Em seguida, saiu acompanhado do seu candidato a vice-governador Melque Aires (Psol) que votou no Colégio Marista, também na Capital.

Mário Lúcio e Melque Aires afirmaram que estão confiantes na capacidade do eleitor de escolher o melhor projeto para o Tocantins. “Há muitos eleitores que estavam indecisos e temos a certeza de que, se eles tiverem feito uma comparação entre as propostas e as biografias dos candidatos, não vai restar dúvidas de que vão dar o seu voto de confiança ao número 50”, disse Mário Lúcio.

O candidato fez também um balanço sobre a campanha eleitoral. “Foi uma campanha difícil, mas tentamos fazer com que ela fosse propositiva. Tivemos várias dificuldades, entre elas a questão financeira. Mas conseguimos superar todos os obstáculos e seguir em frente, conversando com as pessoas, ouvindo suas demandas e sugestões para a campanha. O resultado é altamente positivo”, concluiu Mário Lúcio.

Foto: Aurora Fernandes
Mário Lúcio chegou ao local de votação acompanhado de assessores e familiares

CARLOS AMASTHA

O candidatado da coligação ‘Verdadeira Mudança’, Carlos Amastha (PSB) votou por volta das 9h da manhã. Ele chegou ao Colégio Marista acompanhado da esposa, Glô Amastha, da atual prefeita de Palmas Cinthia Ribeiro (PSDB) e de aliados políticos e assessores.

O candidato estava vestido numa camiseta com a seguinte mensagem: “Mudar o Tocantins para sempre. Disso se trata”. Caso seja eleito, o colombiano será o primeiro estrangeiro a ocupar o cargo de governador no Brasil.

Amastha disse estar confiante na vitória ainda no primeiro turno. “O importante é realmente a gestão de resultados e a maneira de fazer política. Acho que o Tocantins viu o que aconteceu com essa cidade e estamos prontos para vencer no primeiro turno, porque o Tocantins tem pressa”, disse.

Foto: Gabriela Lago
Amastha votou pela manhã no colégio Marista, no centro da capital

MÁRLON REIS

O idealizador da Lei da Ficha Limpa, o ex-juiz Márlon Reis, candidato pelA Rede Sustentabilidade, antecipou o horário de votação divulgado pela assessoria e compareceu às 9h15min para votar no Colégio Mackenzie, região central da capital, acompanhado por assessores e aliados.

Após a votação, o candidato fez uma transmissão ao vivo nas redes sociais convocando o eleitorado a participar ativamente do pleito deste domingo (3). “Peço a vocês que votem. O voto branco ou nulo, é como entregar o Estado a qualquer sorte. O destino do Tocantins se decide a partir de hoje”, disse.

Foto: Divulgação
Márlon Reis também votou pela manhã na capital

MARCOS SOUZA

O candidato Marcos Souza (PRTB) votou na Escola Municipal Henrique Talone, em Palmas. Ele chegou à seção por volta das 9h30 acompanhado de amigos.

“Nós entendemos que é uma oportunidade ímpar do cidadão tocantinense escolher um candidato de forma democrática e nós colocamos o nosso nome como um grito de todo o tocantinense. Não aguentando mais o que vem acontecendo no nosso país e principalmente no nosso Tocantins. A expectativa está nas urnas. Nós esperamos vencer no primeiro turno, mas está na consciência de cada eleitor”, argumentou após votar.

Foto: Gabriela Lago
O candidato do PRTB, Marcos Souza, votou pela manhã em um colégio da região central de Palmas

KÁTIA ABREU

A senadora Kátia Abreu (PDT) da coligação ‘Reconstruindo o Tocantins’ foi a Última candidata a votar na capital. Acompanhada de assessores, familiares e do suplente de senador Donizeti Nogueira (PT), a única mulher a disputar o pleito chegou por volta das 10h41 Centro de Atenção Integral a Crianças (CAIC), localizado no Jardim Aureny I, região sul de Palmas.

A candidata reforçou à imprensa que está preparada para administrar o Tocantins.

Foto: Letícia Queiroz
A senadora foi a quinta candidata a votar nesse domingo

MAURO CARLESSE

O governador interino e candidato ao Governo do Estado Mauro Carlesse (PHS) votou por volta das 11h no Centro Universitário de Gurupi (UnirG). Acompanhado da família, amigos e assessores, o governador disse que está confiante em sua eleição “já no primeiro turno”.

“A estabilidade do Estado depende disso, dessa eleição, que esperamos vencer já nesse primeiro turno”, disse, acrescentando que o Estado não suporta tantas eleições. “A lei diz que tem que fazer, então estamos fazendo, mas é um absurdo, pois o Estado não aguenta tanta eleição. Por isso mesmo espero vencer nesse primeiro turn””, reforçou.

Carlesse lembrou, porém, que apesar da disputa eleitoral, os serviços públicos nunca deixaram de acontecer, sobretudo os da saúde, segurança pública e educação. “O Estado não parou por nem um segundo, e nunca misturamos disputa eleitoral com a administração”.

Foto: Divulgação
Carlesse votou em Gurupi

VICENTINHO ALVES

Vicentinho Alves (PR), da coligação “É a Vez dos Tocantinenses”, irá votar em Porto Nacional, no Colégio Sagrado Coração de Jesus em Porto Nacional às 15h.

Ao todo, mais de 1 milhão de eleitores tocantinenses estão aptos a votarem neste domingo (3). A votação começou às 8h e sugue até às 17h nas 4.109 seções eleitorais do estado.

A Eleição Suplementar foi convocada após a cassação do ex-governador Marcelo Miranda (MDB) e da vice Cláudia Lelis (PV), pelo TSE.

Comentários pelo Facebook: