Carlesse acusa Marcelo Miranda de apropriação indébita de R$ 100 milhões

Agnaldo Araujo - |
Foto: Nielcem Fernandes/AF
Mauro Carlesse (PHS)

O presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, deputado Mauro Carlesse (PHS), informou que vai cobrar explicações do governador Marcelo Miranda (PMDB) sobre a falta de repasses obrigatórios aos municípios.

A iniciativa ocorre após a Associação Tocantinense dos Municípios (ATM) anunciar que o Governo do Estado deixou de repassar cerca de R$ 77 milhões aos municípios em 2017 referentes à cota-parte constitucional que cada um tem direito.

“Vamos oficiar o governador e convocar o secretário da Fazenda para dar explicações aqui na Assembleia. Isto é uma apropriação indébita dos recursos dos municípios”, disse Mauro Carlesse.

O presidente da Assembleia lembrou que a maioria das prefeituras não conseguiu honrar seus compromissos no ano passado por conta dos atrasos nos repasses do ICMS. “Estou solidário com a ATM e todos os prefeitos. O que estão fazendo cabe até uma CPI no Parlamento, para investigar para onde estão indo esses recursos que são de nossas cidades”, completou.

Ainda de acordo com o deputado, com base em informações da ATM, o Estado também deve aos municípios mais de R$ 23 milhões de convênios na área da saúde, o que estaria comprometendo o atendimento básico aos cidadãos tocantinenses.

“Tem atraso também com o transporte escolar e outros compromissos com os nossos prefeitos. Não podemos admitir isso”, finalizou Mauro Carlesse.

VEJA MAIS

Dimas: Falta de repasses do Estado ‘estrangula’ Araguaína; ATM pode recorrer à justiça

Comentários pelo Facebook: