Carlesse rescinde quase 300 contratos temporários antes da volta de Marcelo Miranda

Agnaldo Araujo - |
Foto: Emerson Silva
Órgãos do Governo funcionaram das 14h às 18h nesta segunda-feira 02/07.

O Governo do Estado rescindiu o contrato de quase 300 servidores temporários nesta sexta-feira (06). A ação ocorre após o Supremo Tribunal Federal determinar o retorno de Marcelo Miranda ao Governo.

As rescisões foram publicadas no Diário Oficial desta sexta. Entre os cargos estão: professor da educação básica, auxiliar de serviços gerais, enfermeiro, médico, psicólogo, nutricionista, agente administrativo e outros.

Esse foi um dos últimos atos do governador interino Mauro Carlese (PHS), uma vez que o ministro Gilmar Mendes, do STF, determinou o retorno de Marcelo Miranda até o julgamento de recursos da defesa no Tribunal Superior Eleitoral.

A lista está da página 9 até a 13 do DOE.

Comentários pelo Facebook: