Seet
Sobral – 300×100

Secretário realiza aula inaugural e entrega Colégio da Polícia Militar à comunidade de Araguaína

Redação AF - |
Foto: Adilvan Nogueira
A inauguração foi nesta segunda-feira, 15

Com 915 alunos, uma nova unidade do Colégio da Polícia Militar do Tocantins começou a atender à comunidade de Araguaína (TO), no norte do estado. A inauguração foi  na manhã desta segunda-feira (15).

A Secretaria da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) realizou, na nova escola, a aula inaugural para marcar o início do ano letivo de 2016, proferida pelo secretario Adão Francisco de Oliveira.

Ao todo, 185 mil alunos eram esperados na volta às aulas, nesta segunda-feira (15), em toda a rede estadual, nas cerca de 530 escolas de Ensino Fundamental, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Recém entregue à comunidade, a nova unidade escolar era aguardada há muito tempo pelos moradores de Araguaína. A inauguração foi realizada na manhã desta segunda-feira, com a presença do corpo docente, alunos e representantes da comunidade local.

Além disso, o ano letivo começou também com a entrega de novos equipamentos escolares como carteiras, conjuntos de professor, DVD’s educativos e cadernos para os professores, num investimento de R$ 4,76 milhões em todo o Estado.

Foto: Adilvan Nogueira

Durante a abertura oficial do ano letivo de 2016, o secretário Adão Francisco de Oliveira destacou que a nova unidade do Colégio da Polícia Militar atende ao novo modelo de Educação Integral e Humanizada, preconizado pelo Governo do Estado. “A aulas são aqueles momento que devemos dar o melhor de nós e despertar o que há de melhor nos outros”, disse o secretário ao esclarecer que a Educação Integral e Humanizada requer, além da dimensão intelectual-cognitiva, as dimensões emocional-afetiva, lúdico-artística, físico-motora, profissional-laborativa e acadêmico-científica.

Para o comandante Geral da Policia Militar do Tocantins, coronel Glauber de Oliveira, a nova estrutura do Colégio da PM vem reforçar o modelo de gestão instituído pela corporação. “Vamos fazer desta uma nova escola padrão. É muito grande a procura por vagas no estabelecimento de ensino e isso reforça nosso compromisso de manter um ensino de qualidade”, disse.

James Rayne Nascimento Bolonhese, juntamente com outros 914 alunos matriculados tiveram que passar por um treinamento para adaptação do regimento da nova escola. James disse que não vê dificuldades em se adaptar. “Este modelo de escola é bom porque a gente aprende mais e temos uma melhor convivência entre os colegas”, afirmou.

Foto: Adilvan Nogueira

 

Foto Adilvan Nogueira

Comentários pelo Facebook: