Seet
Sobral – 300×100

Conselho do PSDB dá carta branca para Ataídes construir candidatura ao Governo

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação
Reunião do Conselho do PSDB

O Conselho Estadual do PSDB do Tocantins confirmou que o senador Ataídes Oliveira vai disputar a eleição suplementar para o Governo do Estado, que ocorrerá no próximo mês de junho. A decisão foi tomada durante encontro nessa segunda-feira (02), em Palmas.

Os demais possíveis candidatos, como Dimas (PR), Amastha (PSB) e Kátia Abreu (PDT), ainda aguardam as regras da eleição que serão publicadas pelo Tribunal Regional Eleitoral. Por outro lado, a empresária Janad Valcari (PMB) e o ex-juiz Márlon Reis (Rede) já decidiram que vão entrar na disputa por uma vaga provisório no Palácio Araguaia.

“É evidente que nós, do Conselho, demos carta branca ao senador Ataídes para dialogar com as outras siglas e fazer o que for melhor para o PSDB visando a eleição suplementar”, ponderou o prefeito de Gurupi, Laurez Moreira.

Ataídes agradeceu a confiança dos correligionários e destacou que está comprometido em trabalhar pelo desenvolvimento do Tocantins e pela geração de mais emprego, renda e oportunidades para a população.

O senador assegurou, ainda, que sua pré-candidatura seguirá princípios básicos que norteiam o PSDB, como a defesa de “uma gestão séria, responsável e ética, com controle fiscal rigoroso e planejamento estratégico de investimentos”.

Participaram da reunião do Conselho os prefeitos Laurez Moreira, de Gurupi; Miyuki Hyashida, de Brejinho de Nazaré; Paulo Antônio, de Alvorada e Waldemir Oliveira Barros, de Pium.  Também estiveram presentes o deputado estadual Olyntho Neto; os ex-prefeitos Leonardo Cintra e Genésio Ferneda; e o superintendente regional do Instituto de Colonização e Reforma Agrária no Tocantins (Incra), Carlos Alberto da Costa.

Veja também

Empresária vai disputar eleição suplementar ao Governo do Tocantins pelo PMB

Marina lança Márlon Reis como pré-candidato a governador do Tocantins na eleição suplementar

Comentários pelo Facebook: