Sobral – 300×100
Seet

Corpo de PM morto em acidente de trânsito na TO-030 é sepultado em Esperantina

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação/PM
O corpo do cabo foi sepultado em sua terra natal

Com muita comoção, familiares, amigos, família miliciana e a sociedade do município de Esperantina (TO), cidade do extremo norte do Estado do Tocantins, cerca de 759 km de Palmas, prestaram as últimas homenagens ao cabo PM Solonaldo Rocha, de 38 anos de idade.

O cabo morreu após se envolver em um acidente de trânsito ocorrido na Rodovia TO 030 entre Taquaralto e Taquaruçu, no início da tarde deste último domingo (03/07).

O sepultamento aconteceu às 3h da tarde no cemitério do povoado de Vila Tocantins, município de Esperantina onde moram seus pais.

O Major Valdeonne Dias da Silva, comandante da 4ª CIPM, esteve presente com uma equipe de militares. O velório e sepultamento contaram também com a equipe de policiais da Companhia Independente de Operações Especiais da PMTO (CIOE) de Araguaína e Palmas, representada pelo seu comandante, o major Abner Alves Martins.

Cabo Solonaldo se tornou policial militar do Tocantins em 2004. Trabalhou incialmente no 2º Batalhão da PM em Araguaína, em seguida foi trabalhar em Guaraí, 7º Batalhão da PM. Atualmente estava lotado na Companhia Independente de Operações Especiais, onde integrava o Grupo de Intervenção Rápida Ostensiva – GIRO, em Palmas. Ele era casado e não tinha filhos. (Ascom 4ª CIPM).

Confira o vídeo d sepultamento produzido pela PM

Comentários pelo Facebook: