Seet
Sobral – 300×100

De Araguaína, José Concesso é citado pela Superinteressante como o escritor mais importante do Estado

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Professor José Concesso é considerado o escritor mais importante do Tocantins.

O professor araguainense José Francisco Concesso foi apontado pela Revista Superinteressante como o escritor mais importante do Tocantins. O Mapa Literário elaborado pela revista selecionou os 26 autores mais representativos de cada estado brasileiro, não sendo determinante seu local de nascimento.

Aparecem, por exemplo, nomes famosos como Guimarães Rosa (mais importante de Minas Gerais), Graciliano Ramos (Alagoas), Ariano Suassuna (Paraíba), Clarice Lispector (Pernambuco), Rachel de Queiroz (CE), Machado de Assis (RJ), Mário de Andrade (SP), entre outros.

A seleção da Superinteressante se baseou em número de prêmios ganhos, participações em Academia de Letras de suas respectivas federações, cobrança nos vestibulares locais, número de traduções para línguas estrangeiras e se o autor é reconhecido por sintetizar a identidade de cada estado.

No caso do escritor, filósofo e teólogo José Concesso, a obra citada foi “Meu Primeiro Picolé”, livro publicado em 2004, onde reúne uma seleção cuidadosa de crônicas, contos e ensaios que registram um pouco de sua trajetória vivida em Rio Espera, cidadezinha isolada nas montanhas de Minas Gerais, onde só conhecia picolé pelas informações das poucas pessoas que tinham a oportunidade de sair de lá.

“Ler ‘Meu Primeiro Picolé’ é mergulhar numa prazerosa viagem a um passado que deixou saudade e que hoje é resgatado através de uma linguagem despojada de pseudo-intelecutalismos, porém, sempre enriquecida de narrativas que nos cativam a alma”, diz o escritor.

A obra foi escolhida em 2012 pela Secretaria de Educação do Estado para equipar as bibliotecas escolares da rede estadual.

Na apresentação da obra, o imortal escritor Murilo Vilela, titular da Academia Tocantinense de Letras, destaca que Concesso é um exemplo abnegado de humildade dos que continuam amando a Deus e o seu semelhante, pela fé divina e pela fraternidade que lhe conferiu a suprema força em conduzir galhardamente a cruz de um professor heroicamente brasileiro.

Além de professor de Latim e Filosofia, é membro titular na Academia Tocantinense de Letras, na Academia de Letras de Araguaína e Norte Tocantinense, integra a Academia Cordisburguense de Letras Guimarães Rosa e é idealizador e fundador da Academia de Letras Mirim de Araguaína, além de membro correspondente da Academia Gurupiense de Letras.

Comentários pelo Facebook: