Sobral – 300×100
Seet

Carlesse e Olyntho destravam empréstimo de R$ 600 milhões depois de quase 8 meses

Redação AF - |
Foto: Clayton Cristus
Deputados Olyntho Neto e Mauro Carlesse.

Finalmente foi votado e aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa o projeto do Governo do Estado que solicita autorização para contratar empréstimo de R$ 146 milhões com o Banco do Brasil. O texto agora foi enviado à Comissão de Finanças, Tributação, Fiscalização e Controle.

O outro projeto que autoriza o empréstimo de R$ 450 milhões junto à Caixa Econômica finalmente foi lido em plenário pelo presidente da Casa, deputado Mauro Carlesse (PHS). Juntos, os empréstimos somam cerca de R$ 600 milhões. O destravamento dos projetos ocorreu nesta quinta-feira (29).

Os PLs chegaram na Assembleia Legislativa ainda em dezembro de 2016, mas estavam travados desde então. Diferentemente dessa lerdeza, o último pacotaço de impostos foi aprovado pelos deputados em apenas 48 horas.

Para o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, essa demora está sendo provocada por ‘interesses políticos’, já que Mauro Carlesse quer ser candidato ao Senado Federal, e Olyntho está se aliando a ele. “Quase 8 meses sentados em cima do projeto. Queria discutir, mas nunca convidou ninguém. Vamos passar a borracha nas questões políticas e votar. Não pode ficar protelando por causa de interesses políticos”, criticou.

Projeto de R$ 146 milhões

O projeto de R$ 146 milhões foi aprovado na CCJ com uma mudança proposta pelo relator, deputado Olyntho Neto (PSDB), referentes à exigência de nova autorização dos deputados para o caso de alteração de finalidade.

Conforme o projeto relativo ao Banco do Brasil, R$ 50 milhões vão para a conclusão do Hospital Geral de Palmas (HGP), outros R$ 50 milhões para continuar a construção do Hospital Geral de Araguaína, R$ 15 milhões para a conclusão do Fórum de Araguaína e R$ 10 milhões para a implantação dos campi da Unitins no Bico do Papagaio.

O projeto prevê ainda R$ 10 milhões ao aparelhamento da Segurança Pública, outros R$ 4,76 milhões à conclusão do prédio do Ruraltins, R$ 3 milhões para o aparelhamento do Tribunal de Contas do Estado (TCE), R$ 2,5 milhões à reforma e ampliação do estádio ‘Rezendão’ de Gurupi e R$ 1,5 milhão para a reforma do ginásio de esportes na mesma cidade.

Projeto de R$ 450 milhões foi lido em plenário

Enfim, o presidente da AL, deputado Mauro Carlesse também encaminhou para a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) o projeto que autoriza o empréstimo junto à Caixa Econômica no valor de R$ 453,2 milhões.

Entre as obras a serem realizadas com recursos do empréstimo estão a continuidade da construção do Hospital Geral de Gurupi (HGG), no valor de R$ 10 milhões, e a implantação e pavimentação da Rodovia TO-365, no trecho de 63,5 km entre Gurupi e o povoado Trevo da Praia, com investimento de R$ 64,8 milhões, a duplicação da TO-222 entre Araguaína e o Distrito de Novo Horizonte, no valor de R$ 86,5 milhões, e a pavimentação da TO-243 que dá acesso ao Povoado Mato Verde, na região de Babaçulândia.

Os parlamentares também discutem a possibilidade de destinar R$ 50 milhões do empréstimo à aplicação em obras importantes para os municípios tocantinenses. O recurso especificado destinar-se-ia ao Poder Legislativo para a construção do anexo da Assembleia.

Comentários pelo Facebook: