Seet
Sobral – 300×100

Detentos serram grade e tentam fuga do Presídio Barra da Grota; ação é frustrada por agentes e policiais

Mara Santos - |
Foto: Divulgação
Cinco detentos teriam subido no telhado da unidade

Uma tentativa de fuga foi registrada na Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota (UTPBG), na noite do último domingo (22/05), em Araguaína (TO). De acordo com informações da Secretaria da Cidadania e Justiça, cinco detentos conseguiram serrar a grade da janela da cela 106 do Pavilhão C, onde estavam recolhidos, e ocuparam o telhado da UTPBG. Nesse momento policiais cercaram o presídio e começaram uma varredura interna.

A possibilidade de movimentação interna irregular de detentos na unidade havia sido informada, de forma antecipada, por agentes da Polícia Civil à empresa que operacionaliza a unidade, a Umanizzare.

Ainda conforme a secretaria, dois dos cinco presos avançaram para cima dos policiais na tentativa de feri-los com chunchos (facas artesanais), quando foram contidos. Os outros três presos esconderam-se no sistema de ventilação, mas acabaram capturados.

Toda essa movimentação começou às 20 horas e finalizou às 20h40. Com base nisso, foram realizadas revistas em todas as celas da unidade prisional e constatado que as de número 105 e 213, que juntas comportavam 12 presos, também estavam danificadas.

Conforme a secretaria, todos os presos responderão criminal e administrativamente, sendo que para os cincos que tentaram fugir foi registrado o flagrante e entre as punições previstas pela Lei de Execução Penal (LEP) poderão ter suas penas agravadas, em razão do dano ao patrimônio público.

Os cinco internos envolvidos na ação são: Fernando Gomes da Silva (condenado a 17 anos por tráfico de drogas), Paulo Carlos Ramalho (condenado a 45 anos por dois homicídios), Marcos Martins Góis (condenado a 16 anos por homicídio), Paulo Vitor Ribeiro de Sousa (condenado a 16 anos por homicídio) e Moisés Pires de Lima (preso por latrocínio).

A ação foi controlada pelas forças de segurança dos agentes penitenciários da Unidade de Tratamento Penal Barra da Grota (UTPBG), em Araguaína, da Policia Civil e da Polícia Militar (PM).

Comentários pelo Facebook: