Sobral – 300×100
Seet

Dimas inaugura oficialmente o Parque Cimba na próxima segunda-feira, dia 02

Agnaldo Araujo - | - 519 views
Foto: Marcos Filho
Vista aérea do Parque Cimba

O primeiro parque urbano de Araguaína será oficialmente entregue na próxima segunda-feira, 02 de abril, às 16 horas. Desde a conclusão da primeira etapa, o local atrai a comunidade e se tornou referência para práticas esportivas e de lazer dos araguainenses, sendo usado para confraternizações, aniversários, piqueniques e até casamento.

O Eco Parque Cimba Benedito Vicente Ferreira também já foi palco para festival de foodtruck, eventos escolares e da saúde e cultura, campeonato de calistenia e outros esportes, como skate, bicicleta, patins, corrida e slackline.

O parque recebeu piso de concreto polido nas ruínas que foram preservadas como patrimônio histórico, gradil de fechamento, iluminação em LED, grama, paisagismo, lago e cascata. Além de academias a céu aberto – adulta e infantil – com aparelhos de ginástica e musculação também para deficientes, ciclovia, pista de caminhada e corrida.

Qualidade de vida

O local é importante exemplo de recuperação de área ambientalmente degradada. Resíduos sólidos, como sucatas, pneus e lixo doméstico depositados no local, causavam mau cheiro e contaminavam o solo, além de ser propícios à proliferação dos vetores de inúmeras doenças

O Parque Cimba conta com duas pistas, sendo uma para ciclismo e outra para caminhada, ambas com 1,2 km de extensão e somando mais de 6.600 metros quadrados de asfalto usinado tipo CBUQ, material que tem durabilidade de até 10 anos. O espaço é elaborado de forma que a rota cruze o parque, sempre com segurança e comodidade.

A grama utilizada na urbanização, além de ser visualmente bonita, é de uma espécie mais resistente ao clima local e tem altura baixa, que protegerá o solo. Esse tipo de gramado é muito utilizado em parques por não causar irritações à pele.

Segurança

Para maior segurança dos usuários, o parque é cercado por um gradil com extensão de 893,77 metros de alambrado metálico nylofor (tela metálica especial), na frente e mais 700 metros de cerca concertina dupla nos fundos, onde fica uma mata.

A grade tem uma altura de 2,43 metros e tem um sistema modular de rápida instalação, proporcionando segurança, beleza e durabilidade. Já a concertina tem 1,5 metro de altura com 3 rolos de concertina dupla de 45 cm de diâmetro.

Recuperação de nascente

Outro trabalho realizado no local foi de recuperação do Córrego Canindé, afluente do Rio Lontra, que tem sua nascente dentro do parque. Sua mata ciliar apresentava desmatamento, erosão e solo bastante arenoso. O lixo deu lugar a um lago de aproximadamente 100 metros de largura e 80 metros de diâmetro, fazendo parte também da jardinagem do parque.

A recuperação da nascente do Canindé possibilitou a formação do Lago, que além de embelezar o local, funciona como bacia de detenção, retendo a água das chuvas e fazendo o escoamento de forma lenta, evitando alagamentos na cidade. O córrego também abastece o sistema de drenagem, composto por 466 aspersores em 12 pontos distribuídos em todo o Parque.

Para finalizar o paisagismo, foi construída uma cascata com a reutilização de pneus velhos que foram retirados dos pontos de descarte irregular na área do Parque Cimba.

Homenagem

Benedito Vicente Ferreira foi o fundador da Companhia Industrial e Mercantil da Bacia Amazônica (Cimba), em 1963, cujas ruínas estão preservadas no centro do Eco Parque. Gerando 500 empregos, a Cimba foi a primeira indústria de Araguaína e de todo o norte goiano, exercendo atividades de extração de madeira; extração, refinamento e envasamento de óleo babaçu; beneficiamento de algodão; beneficiamento e empacotamento de arroz; e indústria de sabão. Em seus 10 anos de existência, a companhia gerava sua própria energia através de uma pequena hidrelétrica implantada no córrego Canindé.

Nascido em 1932, em Urutaí (GO), Benedito Vicente Ferreira, fundou com um irmão o Grupo Boa Sorte, razão pela qual ficou conhecido como “Benedito Boa Sorte”. Foi deputado e senador e, por seu caráter desbravador e visionário, exerceu grande influência no desenvolvimento do antigo norte goiano, hoje Tocantins. Além da Cimba, implantou em Araguaína a Rádio Som Araguaia AM (1964), o frigorífico Frimar, a TV Araguaína e a Rádio Tocantins FM. Faleceu no dia 8 de dezembro de 1997.

(Flávio Martin – prefeitura)

Comentários pelo Facebook: