Sobral – 300×100
Seet

Disputa por herança de R$ 7 milhões levou à morte do advogado Danillo Sandes, afirma delegado

Agnaldo Araujo - |
Foto: AF Notícias
Robson Barbosa queria ocultar bens no inventário e Danillo não aceitou

Márcia Costa//AF Notícias

A disputa entre herdeiros por uma herança avaliada em aproximadamente R$ 7 milhões pode ter sido a gota d’água que levou à morte do advogado Danillo Sandes, de 30 anos, em Araguaína. O advogado teria se recusado a participar da ocultação de bens do inventário, em que o suposto mandante do crime, o farmacêutico Robson Barbosa da Costa, de 32 anos, seria o maior beneficiado.

Robson foi preso em Marabá (PA) e apresentado em Araguaína na manhã desta terça (29). Segundo o delegado Rérisson Macedo, Danillo era o advogado responsável por fazer o inventário de toda a família e que beneficiaria seis herdeiros, entre eles Robson Barbosa, que sugeriu a fraude.

Entretanto, com a recusa do advogado em participar do esquema, eles discutiram e Danilo deixou de representar Robson no processo. Porém, o acusado ficou revoltado e teria planejado o assassinato do advogado.

Danillo estava sofrendo um certo aliciamento por parte de seus clientes num inventário em que o Robson é parte. Robson tentava ocultar bens e Danillo não aceitou isso, não se curvou a isso. Então daí já surgiu uma animosidade. Com o passar dos dias, descobriu-se que estavam sendo ocultados bens dos demais herdeiros”, contou Rérisson Macedo.

Para o delegado, a decisão de matar o advogado foi tomada por Robson após a decisão da justiça em autorizar a venda de um caminhão que foi incluído no processo por Danillo e que Robson queria ocultar.

“Quando saiu a decisão judicial autorizando a venda deste bem, o Robson proferiu ameaças a Danillo, dizendo que ele até poderia conseguir o alvará [para venda], mas não chegaria a gastar [o dinheiro] que seria levantado, como de fato não chegou a gastar”, disse o delegado.

Veja mais…

Advogado de Araguaína desaparece após sair com destino a Filadélfia; OAB se mobiliza

Perícia confirma que corpo encontrado é do advogado Danilo Sandes e que foi executado com dois tiros na nuca

Polícia Civil prende suposto mandante da morte do advogado Danillo Sandes e desvenda crime

‘Crime foi arquitetado com riqueza de detalhes’, afirma delegado que desvendou morte de advogado

Comentários pelo Facebook: