Sobral – 300×100
Seet

Empresa prevê conclusão das obras da Rodoviário de Araguaína em 100 dias

Agnaldo Araujo -
Foto: Assessoria
Reconstrução do Terminal Rodoviário segue em ritmo acelerado

As obras de reconstrução do Terminal Rodoviário de Araguaína seguem em ritmo acelerado. Executadas pela empresa JMD Engenharia Eireli, as obras têm um investimento de R$ 836.638,18 oriundos de recursos próprios do Município.

A expectativa é de que os dois pavilhões estejam concluídos no prazo de 100 dias, quando as obras seguem para a fase de finalizações da área externa. Do valor total do investimento, R$ 400 mil foram realocados da não-realização do Carnaval na cidade.

Obra

No primeiro pavilhão, onde as obras foram iniciadas, já foi executada toda a parte de demolições, com remoção de paredes, piso cerâmico, azulejos, janelas e portas, instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias.

Segundo o engenheiro de transportes da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (AMTT), Rômulo Silva, a construção de algumas paredes já foi iniciada e nesta semana serão iniciadas também as instalações das redes hidráulica e sanitária. O primeiro bloco deve ser concluído em cerca de 40 dias.

Concluído o primeiro pavilhão, os comerciantes, provisoriamente alojados nas laterais do terminal, voltarão aos seus respectivos pontos e será iniciada a reforma do segundo pavilhão.

No início houve reclamações e resistência de alguns comerciantes, mas isso foi amenizando à medida em que eles viram a execução das obras e entenderam que a reconstrução não atende aos interesses de uma minoria, mas é um benefício para toda a comunidade”, comentou Rômulo.

Reconstrução

A reconstrução prevê a troca do calçamento, que será de granitino, reforma de todas as instalações elétricas e hidráulicas, novos banheiros com fraldários e instalação de catracas de acesso à área de embarque. A rodoviária receberá ainda novos guichês, sala de espera climatizada, jardinagem, área administrativa, praça de circulação e posto policial.

A área de acesso dos ônibus será cercada e haverá uma guarita para garantir que somente veículos autorizados tenham acesso à área de embarque e desembarque, para garantir a segurança dos usuários. (Assessoria PR)

Comentários pelo Facebook: