‘Era tudo que eu precisava’, diz mulher beneficiada por curso do Senar Tocantins

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação
O programa está sendo realizado no município de Porto Alegre

Competência, capacidade, sensibilidade, jogo de cintura e determinação: essas são algumas das características que impulsionam as mulheres a ocuparem, cada vez mais, novos espaços no campo e na cidade. Pensando nisso, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (Senar) está realizando mais um programa ‘Mulheres em Campo’, no município de Porto Alegre, região sudeste do Tocantins.

O encontro é realizado pelo Sindicato Rural de Almas, presidido por Sandra Carneiro, em parceria com a Secretaria de Ação Social de Porto Alegre. Estão participando do programa 32 mulheres, que estão sendo capacitadas pela instrutora Marta Barbosa.

O sindicato também contou com o apoio das mobilizadoras Maria Eliene Cardoso Araújo e da secretária de Ação Social de Porto Alegre, Cileide Nunes da Silva.

A aluna Edvam Nepomuceno contou que está muito contente em ter a oportunidade de participar do programa. “Agradeço muito a oportunidade de estar aqui com vocês, pois o programa desenvolve competências de empreendedorismo e gestão, orienta na descoberta do potencial de cada participante e da propriedade, ensina a planejar e a transformar uma atividade em negócio e isso era tudo o que eu precisava”, relatou.

A presidente do Sindicato Rural de Almas, Sandra Carneiro, explicou que durante os encontros as mulheres participam das discussões, dinâmicas, atividades de grupo, realizam atividades individuais e com a suas respectivas famílias.

Elas também fazem estudos de caso e outras formas de exposição, que tornam o aprendizado mais efetivo e interessante. “O Senar como sempre surpreende a todos com seu comprometimento e dedicação aos homens e mulheres do campo”, relatou Sandra Carneiro.

Comentários pelo Facebook: