Sobral – 300×100
Seet

Escola de Artes abre inscrições para 1.000 vagas e vai priorizar alunos de baixa renda

Agnaldo Araujo - |
Foto: Marcos Filho
As inscrições já estão abertas

A partir desta quarta-feira (10), até o dia 19 de janeiro, estarão abertas as inscrições para aulas na Reciclarte – Escola de Artes de Araguaína Raimundo Paulino. São ofertadas 1.000 vagas para aqueles que queiram desenvolver a arte e o talento na cidade. Os inscritos passarão por uma avaliação e as atividades serão realizadas nos três turnos, com início no mês de março. As inscrições e aulas são gratuitas.

Das mil vagas oferecidas, 600 serão destinadas a pessoas que tenham baixa renda, alunos matriculados na rede municipal de ensino, além de catadores e seus filhos. As outras 400 vagas serão para pessoas que tenham talento nas artes, como dança, música, teatro, artes visuais e artesanato.

Para realizar a inscrição, os interessados devem comparecer à sede da Escola de Artes, localizada na Rua Sabiá, s/n, no Setor Maracanã, portando os documentos pessoais.

CRITÉRIOS

O processo de avaliação dos inscritos acontecerá mediante a inscrição do candidato e serão observados os critérios de análises socioeconômica e artística. Após a identificação da vocação do aluno, serão formadas as turmas, de acordo com os talentos expressados nas análises.

Mais informações sobre inscrições e critérios de seleção para a Escola de Artes podem ser obtidas pelos telefones 3413-1295 e 99948-8883.

IDENTIFICANDO A ARTE

Um dos objetivos da escola, única unidade pública desta modalidade no Estado do Tocantins, é incentivar a buscar o gosto das pessoas pela arte. Além disso, a escola busca que os alunos possam compreender e saber identificar a arte como fato histórico contextualizado nas diversas culturas, conhecendo, respeitando e podendo observar as produções artísticas, como patrimônio cultural e universo natural, identificando a existência de diferenças nos padrões artísticos e estéticos.

“Os alunos da Escola de Arte terão a oportunidade de interagir com materiais, instrumentos e procedimentos variados em artes visuais, dança, música e teatro, experimentando-os e conhecendo-os para utilizá-los nos trabalhos pessoais”, destacou o secretário da Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Jocirley de Oliveira.

Ainda segundo o secretário, na escola o aluno poderá adquirir uma atitude de busca pessoal e coletiva, articulando a percepção, a imaginação, a emoção, a sensibilidade e a reflexão ao realizar e fruir produções artísticas que refletirão para o resto de suas vidas.

NOVAS OPORTUNIDADES

Outro objetivo da escola é dar oportunidade para que as crianças, jovens e adultos utilizem a arte como interação social e capacitação, afastando-os de atividades ilícitas como o uso de drogas e vandalismo.

“Estamos plantando frutos para colher uma sociedade melhor nos próximos anos, com pessoas mais conscientes e que tiveram oportunidade para desenvolverem suas habilidades e talentos”, finalizou Oliveira.

ESTRUTURA

A Escola de Artes de Araguaína conta com quatro salas para o desenvolvimento das atividades administrativas e pedagógicas, oferecendo instrumentos, equipamentos, materiais didáticos e professores qualificados. O prédio conta ainda com um galpão, banheiros, área de lazer, jardim e cozinha.

(Abdon Barbosa)

Comentários pelo Facebook: