Seet
Sobral – 300×100

Esgoto a céu aberto em estação da Odebrecht causa transtornos a moradores

Agnaldo Araujo - |
Fotos: AF Notícias
O esgoto incomoda moradores do Setor Nova Araguaína

Márcia Costa//AF Notícias

Os moradores do Setor Nova Araguaína estão convivendo com o esgoto a céu aberto e mau cheiro insuportável próximo a suas casas. Segundo denúncia, o problema já dura cerca de três meses e vem causado sérios transtornos. Nas proximidades do setor fica uma estação da Odebrecht Ambiental, localizada às margens da BR-153 e somente a 50 metros de distância do Rio Lontra.

Os moradores reclamam que, além do mau cheiro e dejetos, o local está empesteado de mosquitos. Recentemente, o esgoto transbordou e alagou toda área da estação. Segundo um dos moradores, vários ligações foram feitas, mas até agora, a Odebrecht/Ambiental, empresa responsável, não mandou uma equipe para resolver o problema.

Simplesmente não podemos ligar o ar condicionado, porque o mau cheiro está grande. Queremos que a Odebrecht tome providência. Isso faz mal à saúde. Se não bastasse o esgoto que é lançado no rio e que tem provocado à mortandade de peixes, ainda temos que aguentar esse fedor”, disse o morador José de Jesus.

A situação também foi denunciada ao Naturatins. O órgão afirmou que enviará uma equipe até o local para atestar o crime ambiental.

Outro lado

Em nota, a Odebrecht Ambiental | Saneatins esclareceu que três unidades da empresa foram invadidas e sofreram tentativa de furto de fiação elétrica e equipamentos de operação de bombas, nesta quarta-feira (09/02).

Segundo a empresa, duas bombas que operam poços para o fornecimento de água nos bairros Céu Azul e Jardim das Palmeiras e uma bomba de uma Estação Elevatória de Esgoto no setor Nova Araguaína tiveram seu funcionamento interrompido em decorrência dos crimes. As autoridades policiais foram alertadas sobre as tentativas de furto.

A empresa ainda informou que já deslocou uma equipe para a realização de limpeza e desinfecção de toda a área próxima da estação elevatória de esgoto no Setor Nova Araguaína para conter o vazamento ocorrido em função da paralisação da estação.

Comentários pelo Facebook: