Estudante de Araguatins conquista vaga em Olimpíada Internacional de Matemática

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação/IFTO
Jovem Gabriel Al-Samir Guimarães 

Estudo e dedicação garantiram a Gabriel Al-Samir Guimarães uma vaga na 2ª etapa da Olimpíada Internacional de Matemática dos Institutos Federais (OMIF Internacional). O evento vai ocorrer do dia 19 a 21 de outubro, no IFSULDEMINAS – Campus Muzambinho. O tema é ‘A matemática está em tudo’.

Gabriel está no 1ª ano do curso técnico integrado ao ensino médio em Redes de Computadores, do Instituto Federal do Tocantins em Araguatins.

Ele contou que se preparou para a OMIF respondendo a simulados e anotando os pontos em que sentia dificuldades e precisavam ser estudados com mais atenção, aproveitando ao máximo o conteúdo disponibilizado no site oficial da competição.

Para Gabriel, a OMIF incentiva o estudo da matemática não só nos IFs, mas em qualquer instituição de ensino. “Esse evento acaba por incentivar o estudo da área de exatas pelos alunos, que aprendem a gostar de matemática”, declarou Gabriel.

Etapas

A OMIF é realizada em duas etapas: a primeira na escola do candidato e a segunda em um campus da rede federal de educação profissional e tecnológica brasileira.

Na segunda etapa, são classificados os alunos com notas iguais ou maiores de 20 pontos em uma prova composta por 30 questões e aqueles com a maior nota de cada campus.

No campus Araguatins, a primeira etapa ocorreu dia 11 de abril e contou com a participação de 70 alunos, que foram orientados pelo professor de matemática da unidade de ensino, Carlos Eduardo de Paula Abreu, que é colaborador da OMIF.

De acordo com Carlos Eduardo, a OMIF é um evento importante na promoção de uma educação de qualidade, pois estimula os estudantes a melhorar seus rendimentos na atividade escolar como um todo.

Ele espera que os alunos sintam-se motivados e entendam que podem alcançar seus objetivos por meio dos estudos.

Foto: Divulgação/IFTO
A olimpíada vai ocorrer em Minas Gerais

OMIF

A OMIF é uma competição internacional de matemática direcionada para alunos do ensino técnico integrado ao nível médio das instituições da rede federal de educação profissional e tecnológica brasileira e para alunos de escolas do exterior do ensino técnico de nível médio compatível.

A olimpíada nasceu a partir de um projeto no “Biênio da Matemática 2017-2018 Gomes de Sousa”, tendo como objetivo estimular nos alunos o interesse pela matemática, suprir déficits no aprendizado do ensino fundamental, melhorar o desempenho dos mesmos na escola e promover a interação de culturas diversas, aproximando alunos de países diferentes com um propósito comum: aprender a gostar da matemática.

Comentários pelo Facebook: