Sobral – 300×100
Seet

Estudante do ‘Lar Doce Lar’ consegue R$ 11,3 mil para construir muro com vaquinha

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O dinheiro será utilizado para murara a casa e cavar um poço artesiano

Agnaldo Araujo//AF Notícias

O estudante tocantinense Danilo Correa, de 31 anos, que ganhou uma casa nova no programa Caldeirão do Huck, conseguiu o dinheiro para construir o muro da residência em apenas três dias, através de uma vaquinha na internet. A meta era atingir R$ 8,5 mil, mas já alcançou o total de R$ 11.336,00. Mais de 170 pessoas já ajudaram.

Danilo afirmou que o setor onde ele está morando é ‘bem perigoso’ e o muro, que terá 3 metros, servirá para manter a casa segura. A vaquinha também será utilizada para cavar um poço artesiano. Segundo o jovem, o poço será de suma importância para ele ter água limpa na caixa. “Atualmente estou dependendo do caminhão pipa e a água é amarelada, o que me preocupa com relação a doenças”, disse.

O estudante contou ainda que o muro foi orçado em R$ 5,5 mil, já incluindo a mão de obra e o material. O poço artesiano custará R$ 3 mil.

Danilo disse que as obras vão começar em breve e agradeceu as pessoas que ajudaram. “Quero agradecer a todos que contribuíram por poderem dividir comigo esse momento. Que Deus possa os retribuir. Não tenho palavras para agradecer a Deus pelo o que Ele é e por ter movido o coração de todos para me ajudar”, disse.

Entenda

O estudante Danilo Correa ficou conhecido por vender jujubas na faculdade e nas ruas da capital para realizar o sonho de construir uma casa. A história de luta foi parar no Caldeirão do Huck, que lhe presenteou através do quadro Lar Doce Lar.

Danilo teve a sua casa reformada e mobiliada. No entanto, o imóvel do estudante fica num loteamento novo e ficou sem muro, o que facilita a ação de criminosos. Com isso, o estudante resolveu contar com a solidariedade das pessoas.

A vaquinha pode ser acessada clicando aqui.

Veja mais

Surpresa e emoção marcam entrega de casa nova a estudante tocantinense no Caldeirão do Huck

Comentários pelo Facebook: