Sobral – 300×100
Seet

Ex-prefeita apaga aquivos da Secretaria de Finanças e abandona cidade após derrota em Miracema

Redação AF - | - 515 views
Foto: Divulgação
Prefeito eleito não encontra dados nos computadores

Um caso inusitado e péssimo exemplo de gestão da coisa pública acontece no Tocantins. Em Miracema, a ex-prefeita apagou todos os arquivos dos computadores da Secretaria de Finanças antes de deixar o cargo no fim de 2016. O caso teve repercussão nacional no jornal Bom Dia Brasil, nesta quarta-feira.

O novo prefeito assumiu no meio de um apagão administrativo. Moisés da Silva queria saber se o Município tinha dinheiro em caixa, mas não encontrou arquivos, senhas, nada nos seis computadores do setor de finanças. Tudo foi apagado. “Não sei quem formatou e nem porque fez isso. Suspeito que era para não ter acesso a nenhum dado”, disse.

Conforme a reportagem do Bom Dia Brasil, o pátio da Prefeitura parece um depósito de sucatas. Oito máquinas e onze ônibus escolares estão quebrados. O começo do ano letivo pode ser adiado em até um mês devido às dificuldades encontradas.

A ex-prefeita Magda Borba também demitiu 30% dos funcionários após não ser reeleita, em outubro do ano passado. O fim do ano letivo foi antecipado em um mês e meio, mas a justiça mandou retomar as aulas.

Na cidade, a coleta de lixo também foi interrompida há cerca de dois meses. O atual prefeito já contratou, emergencialmente, uma empresa para fazer a coleta. Ele também já pediu aos bancos os extratos das contas correntes do Município e a prefeitura só vai funcionar daqui a 11 dias. A dívida soma aproximadamente R$ 20 milhões.

A ex-prefeita Magda Borba (PSD) disse que as dívidas foram acumuladas de administrações anteriores. E botou a culpa na crise econômica.

Comentários pelo Facebook: