Seet
Sobral – 300×100

Família do Ceará procura parente que mora em Araguaína e não tem contato há mais de 27 anos

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O pai e a irmã de José Adalto

Agnaldo Araújo //AF Notícias

Uma família do Estado do Ceará está à procura de um parente chamado de José Adalto Rocha. Francielida Silva, uma de suas irmãs, relatou que ele saiu há cerca de 27 anos do Distrito de Ibuaçu, em Granja (CE), onde morava com a família, e nunca mais deu notícias. Na época, José Adalto tinha cerca de 18 anos de idade.

Ele é filho de Antônio Biano da Silva e Maria Odete da Silva Rocha. Francielida tem 23 anos e contou que ainda nem havia nascido quando seu irmão saiu de casa. Outro irmão de José Adalto é Rubens da Silva, de 28 anos, que na época tinha seis meses de vida.

O senhor Antônio já possui 69 anos de idade, está internado e deseja muito reencontrar o filho. Segundo os familiares, souberam através de um conhecido que José Adalto estava morando em Araguaína, mas já se passaram muitos anos. Já tentei diversas vezes encontrá-lo, mas nunca tive retorno. Tenho fé que irei encontrar meu irmão”, diz a irmã.

Devido aos poucos recursos tecnológicos da época, os familiares não possuem fotos de José Adalto, mas seu pai relatou que ele era branco, baixo, de olhos claros e meio calvo.

Uma das tias de José Adalto se chama Maria Antônia da Silva, que faleceu há cerca de 22 dias. Quem tiver informações de José Adalto pode repassar diretamente para Francielida pelo telefone 041 88 99840-2893 ou entrar em contato com a redação do AF Notícias pelo telefone (063) 99243-7006.

Comentários pelo Facebook: