Seet
Sobral – 300×100

Funcionária planeja com o marido roubo aos patrões em Araguaína, mas acabam presos na saída do trabalho

Redação AF - |

A Polícia Civil prendeu na tarde desta quarta-feira (3) três suspeitos de assaltar empresários em Araguaína (TO).  As prisões ocorrerem durante uma operação de combate à criminalidade pela DEIC de Palmas e Araguaína.

Os mandados de prisão foram expedidos pela Justiça de Araguaína. Os três presos foram identificados Raidan Fonseca Alves (25 anos), Jamir Caldas Jocoski (40 anos)  e Elizangela Moreira de Azevedo (33 anos).

Segundo a delegada responsável pela operação, Liliane Albuquerque Amorim, no dia 15 novembro do ano passado, o casal Jamir Caldas e Elizangela Moreira se juntou com outras três pessoas para roubar a casa dos patrões da mulher.

Conforme a polícia, o casal agiu com Raidan Fonseca Alves, de 25 anos, e Hélio Araújo Barros, de 30 anos, que já está preso na CPP de Palmas por latrocínio contra o funcionário de um cartório de Porto Nacional. Um quinto homem, que não teve o nome revelado, participou da ação e está foragido.

Na noite do crime, eles seguiram os empresários pela cidade e quando retornaram para casa, vindos de uma pizzaria, foram rendidos e amordaçados. Os suspeitos então roubaram R$ 18 mil e dividiram a quantia entre si.

De acordo com a investigação, Elizangela, funcionária da Companhia do Bolo, contou ao esposo Jamir que os patrões não costumavam depositar o dinheiro com frequência e levava o montante recebido durante o dia para casa. E mesmo após o crime, Elizangela continuou trabalhando normalmente na empresa, como se nada tivesse acontecido.

O casal foi preso, por volta do meio-dia, quando Jamir foi à empresa buscar a esposa. Ela ainda estava com uniforme.  Já Raidan foi preso em casa, por volta das 2h00, também em cumprimento de mandado de prisão.

Elizangela foi encaminhada para a prisão feminina de Babaçulândia (TO), localizada a 60 km de Araguaína. Jamir e Raidan foram recolhidos na Casa de Prisão Provisória de Araguaína – CPPA.

Comentários pelo Facebook: