Gestor público de convênios é executado a tiros em povoado de Wanderlândia

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Servidor morto a tiros

Um gestor público de convênios que prestava serviços em várias prefeituras na região norte do Estado foi executado a tiros na tarde dessa sexta-feira (23). O crime ocorreu no Povoado Floresta, município de Wanderlândia, localizado às margens da rodovia BR-153.

A vítima foi identificada como João Batista. Segundo apurado, ele trabalhava na parte de convênios das prefeituras de Xambioá, Wanderlândia, Darcinópolis e Araguatins. O gestor estava sem documentos e morava em Araguaína.

Segundo informações de moradores, dois carros chegaram no local do crime, a vítima desceu de um deles e levou um tiro na cabeça e outro no peito. Os autores fugiram em seguida.

Testemunhas relataram à polícia que ouviram três tiros e perceberam uma Pickup Strada saindo do local juntamente com outro veículo ainda não identificado.

Conforme a delegada Sarah Lilian, pessoas já ouvidas afirmaram que João Batista era um homem trabalhador e não estaria sofrendo ameaças.

Foto: Divulgação
Corpo do servidor

Comentários pelo Facebook: