Sobral – 300×100
Seet

Há 10 dias sem água, moradores andam 3 km para tomar banho e aulas são suspensas

Redação - |
Foto: Divulgação
Sem água, moradores se deslocam até rio para conseguirem cozinhar e tomar banho

Desde 2015, os moradores do povoado de Trecho Seco, localizado no município de São Bento do Tocantins, sofrem com a constante falta de água entre os meses de agosto e outubro. Só no mês passado, a falta d’água acometeu o povoado duas vezes, comprometendo atividades simples como cozinhar e tomar banho.

Sem um posicionamento da responsável pelo abastecimento, a Agência Tocantinense de Saneamento (ATS), os moradores arrumaram, por si mesmos, uma solução: buscar água em baldes e galões em um rio que fica a 3 km do povoado, todos os dias.

Pai de 5 filhos, o comerciante Almir Milhomen tem dado o jeito que pode para amenizar o problema. “Nós vamos todos os dias buscar água, senão ninguém come, ninguém toma banho”, conta o morador ao lembrar que estão sem água há quase duas semanas.

AULAS SUSPENSAS

Buscar água no rio, no entanto, resolve apenas parte dos problemas e já afetou a educação das crianças, já que as escolas do povoado suspenderam as aulas há 10 dias.

Para professores e representantes da comunidade o prejuízo é incalculável. “A situação é péssima para os alunos e péssima também para os pais de família que se preocupam com a qualidade do ensino para os filhos” , ressalta indignado o morador João do Oscar.

Conforme o morador, a Agência Tocantinense de Saneamento (ATS) nunca se posicionou a respeito. Enquanto aguarda uma resposta ou solução para o problema, a população sofre.

“Queremos que o gestor que está a frente desse órgão tome uma atitude para agilizar uma solução o mais rápido possível devido a dificuldade que os moradores estão passando”, enfatiza João do Oscar.

ATS

Em nota ao AF Notícias, a Agência Tocantinense de Saneamento (ATS) disse que o povoado está sem abastecimento de água devido à queima da bomba de captação. Segundo a ATS, o equipamento foi comprometido por causa da instabilidade na rede elétrica na região. A bomba havia sido substituída há menos de um mês, porém as constates quedas de energia a danificaram novamente.

A Agência afirma ainda que a equipe eletrotécnica da ATS já está providenciando uma nova bomba e os reparos serão efetuados o mais rápido possível.

De acordo com a ATS, em caso de dúvidas ou reclamações, os consumidores devem ligar no SAC 0800 6464 195 ou procur o escritório local.

Foto: Divulgação
Caixa de medição completamente destruída

Comentários pelo Facebook: