Homem é preso por matar mulher que mantinha caso com sua namorada

Agnaldo Araujo - |

Márcia Costa//AF Notícias

A Polícia Civil prendeu o suspeito de matar a mulher que tinha um caso com sua namorada em Araguatins, norte do Tocantins. O crime ocorreu em 2016, mas o homem só foi preso nessa quinta-feira (24) no Estado do Pará.

Conforme a polícia, José Pinheiro Sousa tinha um relacionamento com uma mulher identificada apenas como Adriana. Ela, por sua vez, tinha um caso com Luiza Pereira.

José Pinheiro teria ficado com ciúmes e matou a mulher para impedir que Adriana mantivesse relacionamento com qualquer outra pessoa que não fosse ele.

Luiza Pereira desapareceu e não mais estabeleceu contato com sua família desde o dia 29 de março de 2016. Segundo algumas informações até então já colhidas pela polícia, Luiza teria sido vista pela última vez em companhia de Adriana e de José Pinheiro.

Conforme a polícia, José Pinheiro deu um único golpe com faca de cozinha em Luiza, próximo ao coração. Após o crime, José fez uma cova e ocultou o corpo da vítima.

Nesse período de dois anos até a prisão do suspeito, uma ossada humana foi encontrada em uma região próxima do local onde Adriana e José moravam. Os restos mortais seriam de Luiza.

José Pinheiro confessou o crime à polícia e responderá por homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Ele está recolhido na Cadeia Pública de Araguatins.

Comentários pelo Facebook: