Internauta vende dinheiro falso e cartões clonados no grupo ‘Gambira Araguaína’

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
O internauta oferece dinheiro e cartões clonados

Márcia Costa//AF Notícias

Nos grupos de vendas na internet costumamos encontrar ofertas de carros, smartphones, móveis e eletrodomésticos, mas as redes sociais também está sendo usada pelos criminosos que não se intimidam e aproveitam para aumentar o lucro do crime.

Um internauta tem oferecido no grupo Gambira Araguaína-TO e Região cédulas falsas de dinheiro e cartões clonados. Na postagem, a venda dos produtos falsificados é oferecida por R$ 300. O homem ainda pede para que os interessados corram e aproveitem a oportunidade para que passem o fim de ano “numa boa”.

As cédulas falsas à venda são de R$ 20, R$ 50 e R$ 100. O vendedor explica que são 100% idênticas às verdadeiras, podendo passar até pelos testes da caneta, alto relevo, e que contém a gota de água em todas as notas.

Quem comprar ou repassar as notas pode ir para a cadeia, pois é crime não apenas fabricar o dinheiro falso, mas também repassá-lo. A falsificação de papel-moeda ou moeda tem pena de reclusão de três a doze anos, além de multa. Está prevista no artigo 289 do Código Penal.

As cédulas têm elementos de segurança que certificam sua veracidade, e que estão disponíveis no endereço eletrônico do Banco Central do Brasil (aqui).

Comentários pelo Facebook: