Sobral – 300×100
Seet

Jornalista morre em Palmas após perder bebê de oito meses e sofrer paradas cardíacas

Agnaldo Araujo - | - 684 views
Foto: Reprodução/Facebook
A jornalista morreu após perder o bebê de oito meses e sofrer duas paradas cardíacas

A jornalista Aline Brabo, de 33 anos, morreu no final da tarde desta terça-feira (07/03), em um hospital em Palmas após sofrer duas paradas cardíacas. Aline estava grávida de oito meses e havia perdido o bebê na manhã do mesmo dia.

Aline Brabo perdeu o bebê por causa do deslocamento da placenta. A pressão da jornalista ficou alta, depois ela teve eclampsia e não resistiu. Aline era assessora de comunicação e bacharel em direito.

A jornalista era natural de Cachoeira Dourado (MG) e trabalhava em Palmas. Ela deixa uma filha de quatro anos e o marido, que é sargento da Polícia Militar. Aline é a quarta profissional da categoria que morre esse ano no Tocantins. Os outros foram: Olga Cavalcante, aos 66 anos, Iberê Barroso, aos 86 anos e Maria Arienar da Silva, aos 50 anos.

A PM lamentou profundamente a morte da jornalista e se solidarizou com parentes e amigos. “Que Deus em sua infinita sabedoria possa confortar o coração de todos diante de mais esta perda irreparável ”, pontuou.

A nota ainda destaca que Aline era forte e batalhadora, de opinião formada e firme. “Muito criativa e comunicativa, sempre tinha uma palavra amiga para passar e animava o ambiente de trabalho com sua personalidade contagiante”, destacou.

Comentários pelo Facebook: