Ex-deputado Júnior Coimbra morre em grave acidente com caravana de Amastha no sul do Estado

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Amastha e Júnior Coimbra

O ex-deputado federal e ex-presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, Júnior Coimbra, faleceu no início da noite desta quinta-feira (26) em um trágico acidente de trânsito na TO-070, próximo a cidade de Sandolândia, no sul do Tocantins.

Segundo apurado, o acidente aconteceu no trevo do povoado de Dorilândia, entre os municípios de Formoso do Araguaia e Sandolândia. O veículo Pajero capotou duas vezes e o corpo do ex-deputado foi arremessado para fora.

Jornalista de formação e servidor concursado do quadro geral do Estado, Coimbra era um dos principais articuladores da campanha do ex-prefeito Carlos Amastha ao Governo do Estado e estava acompanhando a caravana do candidato ao interior do Estado.

Ele é marido da vereadora de Palmas, Laudecy Coimbra, e disputaria uma vaga de deputado estadual nas eleições de outubro de 2018.

Também estavam no carro o ex-secretário Adir Gentil, pré-candidato a deputado federal, o vereador Tiago Andrino e o Coronel Ribamar, que dirigia o veículo. As vítimas foram encaminhadas ao Hospital Municipal de Formoso do Araguaia e passam bem.

Segundo a assessoria, Tiago fez alguns exames e foi levado para Gurupi por conta de uma dor na altura da costela. Adir Gentil foi atendido e liberado.

O coronel Ribamar segue no hospital em Formoso.

A agenda da campanha foi cancelada.

O corpo será velado a partir desta sexta-feira, 27, no hall da Assembleia. A data do sepultamento e o local ainda não foram informados pelos familiares. A Casa de Leis do Tocantins decretou luto oficial de 3 dias.

Perfil

Raimundo Júnior Coimbra tinha 53 anos, era natural de Filadélfia (TO) e formado em jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão. Foi prefeito de Itaporã (1993-1996), vereador de Palmas (2001-2002), deputado estadual (2003-2010), secretário nacional de Políticas de Turismo, no governo Dilma Rousseff (PT), e secretário de Governo no segundo mandato de Carlos Amastha.

Em 2016, a esposa, Laudecy Coimbra, se elegeu vereadora de Palmas. Ele era pré-candidato a deputado estadual. Esta quinta foi o primeiro dia da campanha de Amastha, que está viajando o Estado de ônibus. Coimbra, como coordenador, seguia de carro.

Comentários pelo Facebook: