Seet
Sobral – 300×100

Justiça manda veículos de comunicação no TO retirar enquetes de redes sociais

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação
De olho nas eleições 2016.

Quatro veículos de comunicação do Tocantins devem retirar de suas páginas na internet e grupos de redes sociais a veiculação de qualquer enquete ou pesquisa que configure levantamento de intenção de votos na cidade. A medida foi direcionada aos veículos “Radio Claudemir Brito”, “Radio 95,9”, “Portal Atitude To” e “Portal do Amaral”, todos de Gurupi.

A determinação da Justiça Eleitoral, publicada na última segunda-feira (19/09), atende o pedido do Ministério Público Eleitoral (MPE), que noticiou irregularidades quanto à veiculação de enquetes de pesquisa sobre intenção de votos direcionados aos candidatos de Gurupi, em grupos oficiais dos veículos por meio do aplicativo Whatsapp.

No documento, o Juiz Nassib Cleto Mamud esclarece que a divulgação de pesquisa nos moldes apresentados “afronta a legislação, uma vez que não foi registrada na Justiça Eleitoral”.

Os veículos agora têm 48 horas para apresentar defesa. Caso a decisão não seja cumprida, a multa pode chegar a R$ 106.410,00.

Comentários pelo Facebook: