Sobral – 300×100
Seet

Lei que prevê esterilização gratuita de caninos e felinos ainda não é cumprida em Araguaína

Redação AF -
Foto: Charles Michael
Vereador Marcus Marcelo cobra implantação da clínica veterinária e cumprimento de lei

O vereador Marcus Marcelo (PR) apresentou requerimento, nesta terça-feira (21), solicitando ao prefeito Ronaldo Dimas (PR) o cumprimento da Lei Municipal nº 2958, promulgada ainda em 2015, que trata da esterilização gratuita de caninos,  felinos e institui a prática de controle populacional de zoonoses no município de Araguaína.

De acordo com o projeto, o controle populacional e de zoonoses será exercido mediante a prática da esterilização cirúrgica promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). O projeto também prevê parcerias com ONGs e a Universidade Federal do Tocantins para que todos os proprietários de animais sejam atendidos, independente da situação econômica financeira.
 
Marcus Marcelo também é autor do projeto que cria a Clínica Veterinária Municipal, que ainda não foi implantada. A clínica é destinada a atender cães, gatos e outros animais de pequeno porte, para procedimentos como exames, castrações, vacinação, partos e atendimentos clínicos.
 
Quando a clínica for implantada, para ter direito ao atendimento, o dono do animal deverá ter renda familiar igual ou inferior a três salários mínimos, estar regularmente cadastrado como dono do animal e comprovar residência em Araguaína.
 
De acordo com Marcus Marcelo, tanto a clínica como a lei de esterilização são questões de saúde pública e precisam ser implantadas com urgência pelo executivo, pois a saúde humana está diretamente relacionada à saúde animal.
 
“Existem diversos tipos de doenças que afetam as pessoas e podem ser transmitidas pelos animais, dentre as que mais acometem principalmente às crianças, estão às verminoses, micoses, sarnas, raiva, Leishmaniose e toxoplasmose”, finalizou.

Comentários pelo Facebook: