Sobral – 300×100
Seet

Mais de 100 toneladas de lixo são retiradas das ruas de Araguaína após temporal que causou alagamentos

Redação AF - |
Entulho sendo retirado das avenidas da cidade após a chuva que caiu no final da manhã desta sexta-feira, 21
Entulho sendo retirado das avenidas da cidade após a chuva que caiu no final da manhã desta sexta-feira, 21

Equipes da Secretaria da Infraestrutura e Defesa Civil continuam intensificando o trabalho de limpeza nas ruas de Araguaína após o temporal que caiu na cidade na última sexta-feira, 21. Já foram retiradas 105,5 toneladas de lixo, que foram encontrados principalmente em bocas de lobo, ruas, bueiros e canais.

De acordo com o diretor de limpeza urbana do Município, Valteir Alves, a força-tarefa é para evitar novos alagamentos. “Foram encontrados diversos tipos de materiais, entre eles, papel, copos e sacolas plásticas. Queremos ressaltar que estamos constantemente (de rotina) realizando o trabalho de limpeza em córregos e bueiros, por exemplo, por isso pedimos a toda a população que colabore e evite jogar lixo nas ruas”, explicou.

O diretor acrescentou que as famílias devem verificar o dia correto que passa os caminhões de coleta de lixo e só colocar na porta de casa alguns minutos antes do recolhimento. “Se chover antes da coleta, por exemplo, as sacolas podem ser levadas e ocasionar o entupimento de bueiros”, frisou.

Lixo 

As frentes de serviço já retiraram cinco caminhões com papel, papelão e materiais plásticos de bueiros e bocas de lobo em diversas ruas. Treze caminhões de galhadas e folhas foram retirados de córregos, além de oito caminhões de materiais de construção e terra, na Rua 25 de dezembro, região da Feirinha e Avenida Marginal Neblina. As equipes continuam o trabalho em bocas de lobo, amanhã, 25, no centro da cidade e em córregos.Além de cuidados com o acúmulo de lixo, em caso de mais chuvas fortes, a Defesa Civil orienta a população a não transitar em locais propensos a inundações. Além disso, não invadir e realizar construções em áreas consideradas de risco e de proteção permanente (APP), onde os problemas com alagamentos ainda são constantes.

Drenagem

A Prefeitura já implantou mais de 30 mil metros de drenagem em diversos bairros que sofriam com alagamentos, erosões e risco de desabamento.O secretário municipal da Infraestrutura e coordenador da Defesa Civil Municipal, Simão Moura Fé, disse que, após serem feitas às lagoas de contenção e com a colaboração e conscientização da população em relação ao destino correto do lixo e materiais de construção, os alagamentos poderão ser sanados em toda a cidade. (Ascom Prefeitura)

Comentários pelo Facebook: