Sobral – 300×100
Seet

Mais dois parques serão implantados em Araguaína: Nascentes do Neblina e São Miguel

Redação AF - |
Foto: Joselita Matos
Parque São Miguel, com área aproximada de 58 mil metros quadrados, entre os setores São Miguel e Aeroviário, será um parque urbano semelhante ao Cimba

Mais dois parques urbanos estão sendo implantados em Araguaína, integrando desenvolvimento econômico com a sustentabilidade. Um será o Parque das Nascentes do Neblina, com área de 360 mil metros quadrados, e o outro será o Parque São Miguel, com área aproximada de 58 mil metros quadrados, entre os setores São Miguel e Aeroviário. O Município tem mais de 140 nascentes catalogadas no perímetro urbano.

Os dois parques fazem parte do Projeto de Saneamento Integrado ‘Águas de Araguaína’. O projeto prevê ainda pavimentação e drenagem e bacias de detenção da água das chuvas. As obras serão iniciadas no primeiro semestre de 2018.

Primeira unidade de conservação

O Parque Nascentes do Neblina será a primeira unidade de conservação de Araguaína, de uso restrito e enquadrado na categoria de uso sustentável, sendo enquadrado no Sistema Nacional de Unidades de Conservação.

“Esse parque não é um parque urbano como o Parque Cimba, não vai ter uso pela população. Será para conservar as nascentes do Neblina. Por isso, é uma unidade de conservação”, explicou o secretário do Planejamento, Ciência e Tecnologia, Frederico Prado.

De acordo com Prado, o parque está sendo criado no Plano Diretor e o seu manejo será normatizado dentro de lei específica a ser formulada. Ainda segundo o secretário, serão criadas zonas de amortecimento, ou seja, faixas de uso, em que será definido claramente o pode ser feito e que tipo de atividades poderão ser realizadas nas áreas próximas ao Parque Nascentes do Neblina.

Via Nascentes do Neblina

O secretário reforçou ainda que o principal objetivo da criação do parque é recuperar as nascentes. “Vai ter todo esse plano de manejo, mas o objetivo principal é proteger a cabeceira do córrego”, afirmou.

Após a criação formal dentro do Plano Diretor, será feito Plano de Manejo. “Logo em seguida vamos partir para a delimitação física, fazer um cercamento e ao redor dele vai ter toda uma via, chamada Via Nascentes Neblina, que vai circundar que é realmente para criar barreira física e impedir a ocupação de moradores”, esclareceu o secretário.

“A previsão é de que no prazo de dois anos o parque esteja todo concluído”, informou Prado.

Mais uma área de lazer e esporte

Sobre o Parque São Miguel, a área terá um uso diferente do Parque Nascentes do Neblina. “Será um parque semelhante ao Cimba, um parque urbano. Além da preservação da nascente, será mais uma área de lazer e esporte”, disse o secretário.

Segundo Prado, o espaço onde será esse parque é uma área de vazio urbano. “Vamos transformá-lo em um ponto turístico para as pessoas conseguirem aproveitar. Até porque essa região é carente de opções”, afirmou.

A expectativa é que até meados de 2019 o Parque São Miguel esteja pronto. (Ascom Prefeitura)

Foto: Divulgação
Parque Nascentes do Neblina será a primeira unidade de conservação de Araguaína e terá uma área de 360 mil metros quadrados

Comentários pelo Facebook: