Seet
Sobral – 300×100

Marcelo Miranda assina ordem de serviço para execução das obras do convênio de R$ 45 milhões em Araguaína

Agnaldo Araujo - |
Foto: Marcos Filho
Marcelo Miranda vai estar por volta das 10h da manhã da próxima segunda, no Parque Cimba

O governador do Estado do Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB), assinará a ordem de serviço, próxima segunda-feira (09/05), autorizando o início da execução das obras do convênio de cerca de R$ 45 milhões em Araguaína (TO). Marcelo vai assinar também a ordem de serviço para construção do Centro de Apoio Socieducativo (Case) e obras de recuperação asfáltica de rodovias estaduais.

O investimento será para a pavimentação asfáltica de sete bairros em Araguaína, sendo que cinco já foram liberados e dois estão em fase de pré-aprovação pela Caixa Econômica Federal, segundo o deputado Elenil da Penha (PMDB), que lutou para o início das obras. Os bairros contemplado são o São João e setores Araguaína Sul 2, Tereza Hilário, Raizal, Tocantins, Morada do Sol e Ana Maria.

Segundo a prefeitura de Araguaína, no Bairro São João, as obras de recuperação começam pela Rua Machado de Assis. Nesse bairro, será um total de 120 mil metros quadrados de asfalto novo, o CBUQ. O trabalho começa com o reperfilamento, o qual é uma primeira camada de pavimentação do material asfáltico para nivelar o piso e em seguida será aplicado o CBUQ. Simultaneamente, também as obras serão realizadas no Araguaína Sul 2, com a parte de drenagem, pavimentação, calçadas e urbanização. Conforme informado, o serviço no bairro vai começar pela Avenida Tocantins.

As obras nesses bairros são fruto do convênio PAC II – Pró-Transporte, no valor de R$ 42 milhões com recursos provenientes do Governo Federal, através do FGTS e Caixa Econômica.  Mas estão paradas desde 2014 por falta da contrapartida do Estado, no valor aproximado de R$ 2 milhões.

O governador também assinará a retomada das obras no Setor Maracanã que já foi feito boa parte da drenagem e o Setor Itaipu, que falta fazer o meio fio. O deputado Elenil da Penha (PMDB) disse que a ação é fruto de uma luta incansável e que é importante  o acompanhamento da população “imediatamente” após a assinatura.

Case

O Case terá 4.226,10 m² de área construída. Depois de pronto terá capacidade para atender 96 adolescentes do sexo masculino, na faixa etária de 12 a 18 anos, excepcionalmente até os 21 anos, que irão cumprir medida de internação em cumprimento de medidas socioeducativas.

Rodovias

Na ocasião, também será assinada ordem de serviço para recuperação de 10 trechos nas rodovias TO-130, TO-122 e TO-424, totalizando 302,70 km de rodovias recuperadas. Nos trechos, serão realizadas obras de reabilitação, reforço estrutural, reconstrução do pavimento, drenagem e sinalização na modalidade Contrato de Reabilitação e Manutenção (Crema). Com investimento de R$ 68,5 milhões, as obras integram o Programa de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS).

Termo de cooperação 

Em 2011, foi feita a apresentação de carta consulta ao Ministério das Cidades para firmar o termo de cooperação entre o Município e a Secretaria Estadual das Cidades. Na época, o então secretário estadual das Cidades era o atual prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas.

No ano seguinte, 2012, houve a aprovação dos serviços e a contratação do financiamento via FGTS, por meio do Ministério das Cidades e Caixa Econômica Federal. Em 2013, foi feita a elaboração de edital e a licitação para a contratação da empresa.

Já em 2014 foi feita a elaboração dos projetos executivos e o início das obras. No ano seguinte houve a paralisação das obras em função do novo governo. E agora as obras serão retomadas.

Comentários pelo Facebook: