Miranda elenca segurança pública e concurso da PM como prioridades em 2018

Agnaldo Araujo - | - 886 views
Foto: Frederick Borges
Governador do Tocantins, Marcelo Miranda

Na reta final de 2017, o Governo do Estado destacou, entre outros, os investimentos feitos na área da segurança pública. Neste ano, o Executivo Estadual adquiriu novas viaturas, coletes balísticos, fardamento administrativo, coturnos, implantou novos colégios militares; além de reativar destacamentos da Polícia Militar em municípios do interior.

Dados operacionais da PM informam que, até o mês de agosto deste ano, foram presos 3.632 pessoas adultas; apreendidos 463 adolescentes e 3.471 apreensões de entorpecentes. Os militares tiraram de circulação 465 armas de fogos e 314 armas brancas; além de terem recuperado 930 veículos com restrição de furto/roubo.

Conforme a Secretaria de Comunicação Social (Secom), atualmente o Governo trabalha para a realização do concurso público para provimento de 1.000 vagas para soldados e 40 de oficiais. O governador Marcelo Miranda (PMDB) afirmou que os investimentos na área vão continuar no próximo ano. “Em 2018, continuaremos com nosso grande objetivo que é de continuar a investir na área da segurança pública para diminuir o número de crimes e solucionar as ocorrências cada vez mais rápido, garantindo assim uma maior sensação de segurança para os tocantinenses”, disse.

INAUGURAÇÕES

Neste ano, os moradores de Crixás, Cariri do Tocantins, São Sebastião, Itaguatins e Carrasco Bonito comemoraram a reativação de destacamentos militar nos municípios, garantindo reforço no combate às ações delituosas e melhorando de forma significativa a qualidade dos serviços prestados à comunidade local. Já em Lagoa da Confusão, o Governo inaugurou, no mês de setembro, a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (4ª CIPM). Na ocasião, foram entregues, ao comandante da 4ª CIPM, capitão PM Stephan Bravin Ponche, armamentos e uma caminhonete.

Desde 2014, o Executivo já criou o Batalhão Ambiental; inaugurou, em 2016, sua sede na Quadra 304 Sul, em Palmas; criou o Batalhão Militar Rodoviário e de Divisas (BPMRED), em 2015; e está previsto para inaugurar em breve o Batalhão de Choque.

Ainda em 2017, o Governo do Tocantins implementou o Colégio da Polícia Militar (CPM) de Arraias. A instituição escolar, que possui 340 alunos matriculados no ensino fundamental, funciona na Escola Estadual Jacy Alves de Barro,  que teve as instalações físicas reformadas e adequadas para o CPM. A comunidade escolar conta com sete salas de aula, laboratório de informática, uma sala para o programa Mais Educação, sala de música, biblioteca, quadra poliesportiva coberta, setor administrativo e cozinha.

Atualmente, existem quatro unidades do CPM, sendo duas em Palmas, uma em Araguaína e uma em Arraias, que juntas, totalizam 2.549 alunos. Encontra-se em andamento ainda a implementação de colégios da Polícia Militar em Araguatins e Paraíso do Tocantins.

Foto: Jadiel Pereira
Algumas das viaturas entregues à PM em 2017

AQUISIÇÕES

Em parceria com a Secretaria Nacional de Segurança Pública/Ministério da Justiça (Senasp/MJ), em 2017 o Governo adquiriu 942 coletes balísticos para garantir mais segurança aos policiais durante seus trabalhos. Foram adquiridos ainda, com recursos do Governo, fardamento administrativo e coturnos no valor de R$ 1.551.070,50.

O Governo entregou também 66 novas viaturas e 53 em substituição à frota antiga; um drone, para captação aérea de imagens, e 1.500 cones reflexivos. Para o Batalhão da Polícia Militar Rodoviário e de Divisas, foram entregues oito veículos, sendo sete veículos Pajero e quatro Gol.

De acordo com a PM, desde o início da gestão do governador Marcelo Miranda, 138 novas viaturas foram acrescentadas à frota; e 65 veículos foram substituídos. Além disso, foram adquiridas 109.000 munições letais; 2.359 coletes balísticos; 205 armas de fogo; 1.000 capas de chuva; e 2.650 cintos de guarnição operacional.

Foto: Lia Mara
Drone que vai ajudar a Polícia Militar na captação de imagens aéreas

CAPACITAÇÃO

Investir no conhecimento na área de segurança pública tem sido outra importante ação que o Governo do Tocantins tem se preocupado, segundo a Secom.

Uma parceria da Polícia Militar com a Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) oferece capacitação técnico-profissional aos policiais, em especial, os operacionais. Por meio do ensino a distância, os militares têm acesso ao conteúdo dos procedimentos adotados pela corporação, no que tange ao Procedimento Operacional Padrão (POP). O intuito é oferecer a capacitação do efetivo em todo Estado, diminuindo os custos e o tempo de afastamento dos militares em cursos para este objetivo.

Os policiais também são capacitados em cursos realizados de forma presencial. Desde o início do ano, mais de 600 militares participaram de cursos de capacitação realizados no Tocantins e em outros estados.

Foto: Governo do Tocantins
Crianças atendidas pelo Proerd

PROJETOS SOCIAIS

Uma das ações sociais de maior alcance da Polícia Militar do Tocantins é o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), que tem o objetivo de prevenir ou reduzir o uso de drogas e a violência para crianças e jovens. Em 2017, a PM já atendeu 16.780 crianças no programa, totalizando desde a sua implementação. Ainda nesse nesse sentido, 416 pais foram habilitados no currículo Pais do Proerd, totalizando, desde a sua implantação em 2007, 4.703 responsáveis atendidos.

Dentre o hall de ações sociais realizadas pela Polícia Militar, no ano de 2017, estão as atividades recreativas como futebol, atletismo, jiu-jitsu e culturais. De acordo com os dados informados pela PM, 600 crianças foram atendidas em projetos desenvolvidos na região sul de Palmas, e mais de 300 crianças e adolescentes são atendidos na escolinha de futebol do 1º Batalhão, referência no Estado, já tendo revelado muitos talentos.

MAIS AÇÕES

No dia 21 de abril, o Governo do Tocantins celebrou o dia do patrono cívico da nação e das polícias militares do Brasil com a entrega de 321 medalhas (Tiradentes, Mérito Policial Militar e Tempo de Serviço), resgatando tradições e homenageando autoridades e policiais militares por sua contribuição ao Estado.

Ainda em abril, a Polícia Militar lançou o Sistema da Diretoria de Gestão Profissional (DGP) e o Sistema Integrado de Atendimento e Despacho (SIAD). Ambos têm a finalidade  de melhorar o fluxo de informações administrativas e operacionais que, a priori, refletem na qualidade do serviço prestado pela PM.

Já em setembro, a Polícia Militar lançou o Portal PM, site institucional que disponibiliza informações pessoais, funcionais, cadastrais e financeiras de todo o efetivo policial militar. A iniciativa da criação de um site que gerencie informações tanto pessoais quanto a nível institucional dos militares faz parte de um plano de trabalho da gestão em aplicar a inovação tecnológica e a usabilidade, para manter a transparência, a acessibilidade e a atualidade de informações fidedignas, que poderão ser acessadas somente por militares, via criação de um perfil na Assessoria Técnica de Informática e Telecomunicações (Atit).

Para o novo comandante da Polícia Militar, coronel Edvan de Jesus Silva, a atuação da PM continuará a ser ostensiva no combate ao crime e na proximidade com a população. “Vamos resgatar o trabalho da Polícia Comunitária, mas também com a presença constante de policiais nas ruas a fim de inibir a ação de bandidos”, pontuou.

Comentários pelo Facebook: