Marcelo Miranda faz novas nomeações e encerra mais de 80 contratos temporários

Agnaldo Araujo - |
Foto: Frederick Borges
Governador Marcelo Miranda

O governador Marcelo Miranda (MDB) exonerou alguns servidores, nomeou outros e encerrou contratos temporários de 84 profissionais. Os nomes constam no Diário Oficial desta segunda-feira (16).

Entre os servidores que tiveram o contrato rescindido estão lavadores de roupas hospitalares, auxiliares de serviços gerais, professores, enfermeiros, médicos, porteiros e outros. Os atos declaratórios são assinados por Fernando Moreno Suarte, que está respondendo pela secretaria da Administração.

Cerca de 35 servidores foram nomeados, muitos deles assessores, e cerca de 10 profissionais foram exonerados ou dispensados.

As novas mudanças ocorreram às vésperas de mais um capítulo do conturbado fim de mandato de Marcelo Miranda, que vai ocorrer nesta terça-feira (17). Os embargos de declaração da defesa do governador serão julgados pelo Tribunal Superior Eleitoral e, se não forem aceitos, ele deixa o cargo novamente.

Se aceitos, Marcelo Miranda continua no cargo. No entanto, também há recurso para ser apreciado pelo Supremo Tribunal Federal e a Procuradora Geral da República, Raquel Dodge, já se manifestou para derrubar a liminar concedida pelo ministro Gilmar Mendes que permitiu o retorno de Miranda ao cargo de governador.

Comentários pelo Facebook: