Miranda agradece orações e mensagens; defesa pedirá nova liminar a Gilmar Mendes

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Governador Marcelo Miranda (PMDB)

O governador cassado do Tocantins Marcelo Miranda (MDB) acompanhou de casa ao lado de amigos e familiares o julgamento dos embargos de declaração no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), na noite desta terça-feira (17). Por unanimidade, os ministros negaram o recurso e mantiveram a cassação da chapa.

Em nota à imprensa, o governador disse que a recebeu a notícia com o “sentimento de serenidade”.

Marcelo Miranda ainda reiterou que confia nos poderes constituídos no País e novamente agradeceu ao povo tocantinense pelas “orações e mensagens de otimismo recebidas ao longo das últimas semanas”.

A defesa do governador adiantou que apresentará Recurso Extraordinário ao Supremo Tribunal Federal contra a decisão do TSE, com pedido de medida cautelar (liminar para permanência no cargo). O relator do recurso será o ministro Gilmar Mendes, que concedeu a liminar que manteve Miranda e Claudia Lelis no Palácio Araguaia enquanto aguardavam o julgamento dos embargos.

Veja mais…

Por unanimidade, TSE rejeita embargos de Marcelo Miranda e mantém cassação do mandato

Comentários pelo Facebook: