Seet
Sobral – 300×100

Moradores dos residenciais Lago Azul afirmam que estão à mercê de criminosos

Agnaldo Araujo - |
Foto: Marcos Filho
Imagem do residencial Lago Azul I

Devido aos elevados índices de criminalidade nos residenciais Lago Azul I, II, III, IV, em Araguaína (TO), os moradores fizeram um abaixo-assinado com centenas de assinaturas solicitando urgentemente policiamento mais ostensivo na região e também a construção de um posto policial.

Os moradores já encaminharam ofícios, no último dia 24 de novembro, para o governador do Estado, Marcelo Miranda (PMDB), para o Comando Geral da PM e Comando do 2º BPM de Araguaína. Na última segunda (27) ocorreu uma reunião com representantes das Polícias Militar e Civil, Ministério Público, Conselho Tutelar e a Vara da Infância e Juventude para discutir o assunto e propor soluções.

Os moradores relatam que são recorrentes os assaltos, furtos, arrombamentos de residências, além da presença constante de crianças e adolescentes nas ruas praticando furtos e usando entorpecentes.

O líder comunitário Joseval Vieira (Alibabá dos Doces), relata que a falta de policiamento ostensivo e também de um posto policial deixa os moradores à mercê dos criminosos.

Os residenciais Lago Azul estão localizados na região sul de Araguaína e são frutos do Programa Minha Casa Minha Vida, onde moram milhares de famílias.

Comentários pelo Facebook: