Nossa palavra é mais importante do que você imagina – por Luis Boenergio

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
Luis Boenergio ministra cursos de oratória em Araguaína
O evangelho segundo João nos ensina que o verbo está conosco desde o princípio, a palavra está conosco, por que o verbo estava com Deus, e o verbo era Deus. Partindo desse caminho podemos observar a grandeza da palavra, principalmente quando bem colocada, com foco, no tempo certo e da melhor maneira.

Considerando o tamanho da importância da palavra, imagine o poder que tem uma pessoa com essa capacidade, com essa habilidade e que sabe usar com eficiência.

Para facilitar a vida de muita gente vamos aqui responder algumas perguntas, acredito que você esta se fazendo alguns questionamentos.

Você deve estar se perguntando: eu sei me expressar, mas porque não tenho o poder de convencer, de conquistar? Vamos lá –  você fala corretamente, seu Manoel, dona Antônia, seu Chico também, todos falam, basta abrir a boca e expelir o som, agora falar bem é outra coisa. Falar bem é falar direcionado rumo aos seus objetivos, com planejamento, foco e roteiro definido.

Por que precisamos falar bem? Precisamos porque queremos um emprego, vamos fazer um teste, uma entrevista e quando arrumamos esse trabalho, sentimos vontade de subir de função, melhorar nossa colocação na empresa. Precisamos falar bem para conquistar pessoas, convencer do nosso ponto de vista, vender nossa ideia, nossos sonhos. Precisamos falar bem para nos destacar, enfim para vencer na vida.

Vivemos em mundo extremamente competitivo, onde somos cobrados de todas as formas, isso ocorre tanto no trabalho como fora dele, até mesmo em uma simples mesa de amigos nos encontros casuais do cotidiano. E o que temos de fazer para atingirmos nossos objetivos através da fala? Precisamos nos preparar, essa preparação demanda principalmente orientação técnica, vontade, dedicação, entusiasmo, espontaneidade e muito treinamento, lição básica para qualquer pessoa que deseje melhorar a fala.

Como ensina os grandes mestres da oratória, a nossa capacidade de comunicação vai sempre fazer a diferença, só depende de cada um. Com o poder da palavra, ou através dela é bem possível alcançar o sucesso, a decisão pertence a cada um, você decide se quer conquistar ou simplesmente ser mais um na multidão. Você decide se quer lutar ou continuar arrumando desculpas para tudo. Dizem que a desculpa perpetua a mediocridade.

Costumo dizer que quando conseguimos ser ouvido, quando somos bem recebidos, entendidos e atendido, atingimos nosso objetivo, ou seja, alcançamos o resultado esperado. Agora vou ajudar você a se descobrir. Tente responder essas perguntas: O que você quer para a sua vida? Faça uma reflexão, se olhe no espelho veja como está sua comunicação, seu poder de fala. Vamos lá, você pronuncia bem as palavras? Como é sua dicção? Você fala com muita velocidade ou está falando lento demais? E o seu vocabulário como está? Além disso, você tem medo de falar?

Falando um pouco sobre o medo: é natural e legal que você o tenha, imagine se você fosse uma pessoa sem medos, como seria? Você seria capaz de entrar no meio do trânsito com os carros em movimento. O que você precisa fazer é aprender a administrar o seu medo, controlando suas emoções para que esse medo não seja maior que sua vontade de vencer.

Voltando à nossa reflexão, afirmo categoricamente a você: somente assim, fazendo essa auto-análise você descobrirá onde estão suas maiores dificuldades, seus maiores medos. Reinaldo Polito afirma e eu como bom aluno ratifico: qualquer pessoa pode aprender a falar bem, basta querer, basta estudar, basta treinar.

Como sabemos, nossa comunicação pode se manifestar por palavras (comunicação verbal) ou por comportamento, gestos (comunicação não verbal), sendo assim impactada pela nossa voz, pela palavra e pela nossa postura. Imagine: você tem apenas medo ou timidez na hora de se apresentar em  público, você não sofre de gagueira, não tem cacoetes ou deficiência física como Demóstenes tinha. Mesmo assim a vontade, a persistência e o treinamento foram maiores que todos os problemas juntos. Demóstenes se tornou o maior orador da Grécia antiga.

Você agora deve estar se perguntando onde quero chegar? Simples, quero dizer que você é capaz sim de aprender a se expressar bem em público em qualquer situação, basta querer aprender, tendo força de vontade para fazer treinamento, sendo disciplinado e adquirindo o hábito diário da leitura, planejando e treinando sua fala com antecedência.

Considerando tudo já mencionado, lembre-se: você é do tamanho que você quer ser, se seu problema é se expressar em público tenha certeza que você pode se transformar e aprender a falar e falar bem público, basta querer.

O autor – Luis Boenergio

Luis Boenergio é professor de Língua Portuguesa, efetivo da Secretaria Estadual de Educação; graduado em Letras pela Universidade Estadual do Tocantins e também é diretor de Comunicação da Câmara Municipal de Araguaína.

Professional Coach pelo Instituto Coaching de Alta Performance. Mestre de cerimônias; especialista em cerimonial universitário e protocolo. Palestrante motivacional e mídia training. Radialista comunicador, com mais de 15 anos de experiência atuando somente em duas emissoras de rádio.

Repórter e apresentador de TV com passagem pelo SBT e Band. Experiência vitoriosa de dez anos em assessoria de imprensa e mentoring político em Araguaína (TO) e membro do Rotary Club de Araguaína.

Telefone para contato com o consultor de oratória Luis Boenergio – (63) 99222-3370.

Comentários pelo Facebook: