Seet
Sobral – 300×100

O crescimento do futebol americano em Araguaína sob influência das redes sociais

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Futebol americano conquista fãs em Araguaína

Seguindo uma tendência de outras regiões do país, nos últimos anos o futebol americano tem ganhado força no norte brasileiro. Isso graças a criação de times locais, como é caso do Araguaína, no Tocantins, novas ligas surgindo e também ao aumento de audiência da NFL, principal liga de futebol americano do mundo.

Em janeiro deste ano, na cidade de João Lisboa, houve a decisão do 1º Triangular de Flag Football da Região Tocantina — modalidade de futebol americano — que teve as seguintes equipes:  Imperatriz Riversides, Imperatriz Titans e Araguaína Cowboys. Depois de disputas acirradas, o Imperatriz Riversides ficou com o título da competição.

Entretanto, por pouco a equipe de Araguaína não ficou com o troféu de campeão. Na partida decisiva, contra o Imperatriz Riversides, o Cowboys tomou a virada nos últimos minutos e acabou perdendo por apenas um ponto de diferença, 27 a 26.

Gustavo de Freitas, jogador do Araguaína Cowboys, disse ao portal Imperatriz Notícias que, apesar do esforço de todos, ainda falta estrutura para os times. “As dificuldades surgiram desde o começo. Primeiro, foi para arranjar um lugar para treinar. Depois, para juntar uma galera bacana que tivesse a fim de desenvolver o esporte na cidade. E quando temos que jogar em outra cidade, surge a dificuldade financeira, que faz com que nem todos possam participar“.

Freitas ainda destacou a importância de conseguirem mais patrocinadores no futebol americano tocantinense: “Para a interação entre as equipes, e para mostrar que o esporte está se difundindo cada vez mais, para que futuramente possamos ter torneios cada vez maiores e melhores”.

Uma das razões do futebol americano atrair tantos fãs e praticantes é seu dinamismo e variedade estratégica, que serve de exemplo para outros esportes que exigem muito desse lado mental assíduo. Também não dá para deixar de lado a influência que a NFL e as redes sociais têm sobre novos fãs desta modalidade em todo Brasil.

“Quem vê futebol americano hoje no Brasil são jovens muito ligados às redes sociais”, afirma Amir Somoggi, consultor de marketing e gestão esportiva.

Segundo o presidente do Corinthians Steamrollers, equipe de futebol americano paulista, o aumento do conhecimento das regras por parte do público favorece ao crescimento do esporte da bola oval no Brasil: “O aumento da procura pela prática do esporte com certeza vem influenciada pela NFL”.

Um dos eventos que mais atraem as pessoas a assistirem o futebol americano pela primeira vez é o Super Bowl. A decisão da NFL aconteceu no último dia 4 de fevereiro e foi transmitido pela ESPN. Na partida, a audiência marcada foi de cerca de 754 mil pessoas.

“O grande trunfo do Super Bowl é transformar a decisão em verdadeiro espetáculo com o show do intervalo. Gente que nunca viu o jogo, todos os anos, acaba sendo atraída por conta dá apresentação. Invariavelmente, alguns viram fãs, o que ajuda a sustentar o esporte”, analisa Victor Romualdo Francisco, editor-chefe do portal Salão Oval.

Como bem apontou anteriormente o jogador do Araguaína Cowboys, Freitas, mesmo que cada vez mais o futebol americano vem ganhando adeptos, é necessário mais investimento no esporte. É o que também afirma Ítalo Mingoni, consultor da Confederação Brasileira de Futebol Americano (CBFA): “O esporte está crescendo muito, de forma que a Confederação tem a preocupação de fazer investimentos para que isso aconteça de modo ordenado, sustentável e efetivo”.

Comentários pelo Facebook: