Opinião – TRE manda Amastha mudar a rota do Busão e voltar para casa. E agora?

Redação AF -
Foto: Divulgação
Meme que circulou nas redes sociais após a decisão do TRE.

Alberto Rocha //Opinião

Quando me disseram que política é uma caixinha de surpresa, eu acreditei. Nesse campo minado e liso, basta uma piscada de olhos para tudo mudar de repente. E foi o que aconteceu com o candidato dos factoides, Carlos Amastha, que tentava laçar o mandato tampão. Mas uma tempestade caiu sobre o ex-prefeito de Palmas. E a previsão do tempo para o colombiano não é nada boa: tempo fechado, temperatura sufocante, ar irrespirável.

Por um placar de 5×1, o Tribunal Regional Eleitoral mandou Amastha mudar a rota do Busão e voltar para casa. Isso mesmo:  a decisão do TRE em negar o registro da candidatura de Amastha, acabou com o sonho do ex-prefeito, que agora vê suas pretensões políticas em frangalhos, nessa campanha fora de tempo.

Mas logo o Amastha? Logo ele que vinha fazendo de tudo para aparecer nessa campanha extemporânea.  Não julgo o mérito se o que ele fazia era correto ou não, mas,  no afã de chegar ao Palácio Araguaia, o colombiano esperneava de tudo quanto é jeito para ser visto pelos eleitores. Risível.

Amastha beijou burro, andou de bicicleta, tocou sanfona, comeu chambari, vestiu-se de índio, dançou forró, protagonizando cenas hilárias e até bizarras, que logo ganharam repercussão nas redes sociais. Só faltou ele se vestir de super-homem, homem de ferro, homem -formiga, homem-taxa, homem-bomba, hulk-esmaga ou dizer que foi ele quem inventou o petróleo da Arábia Saudita.

Ao fazer tudo isso e muito mais para conquistar o eleitor desinteressado, provavelmente, Amastha seguia um roteiro de marketing que mais parecia um piccadilly. Os mais críticos, chegaram a chamar o colombiano de “o palhaço” da campanha.

Se Amastha queria ser o pinga-fogo da campanha, por enquanto, ele vai se transformando apenas numa fagulha, que insiste em continuar acesa até o dia da eleição, 3 de junho.

Alberto Rocha é jornalista.

Veja mais…

Tudo pelo voto – Amastha dança funk, anda de carroça, bike e brinca com cachorro

Comentários pelo Facebook: