Padrasto é preso suspeito de abusar sexualmente da enteada em Araguaína

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação/SSP
O homem foi preso pela Polícia Civil

A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de estuprar a própria enteada, de 14 anos, em Araguaína. A prisão dele ocorreu na tarde desta sexta-feira (12), por intermédio da Delegacia da Criança e do Adolescente (DECA), sob o comando dos delegados Cinthia Miura e Amaury Marinho.

De acordo com os delegados responsáveis pelo caso, a denúncia de estupro chegou à polícia no dia 09 de janeiro de 2018 e o inquérito foi instaurado logo em seguida. Após realizar investigações e reunir evidências do crime, o delegado Amaury Marinho representou pela prisão preventiva do suspeito, a qual foi deferida nesta sexta.

J. C L, de 40 anos, preso e conduzido à central de flagrantes de Araguaína. Após os procedimentos legais cabíveis, ele foi recolhido à carceragem da Casa de Prisão Provisória da cidade, onde permanecerá à disposição da justiça.

O delegado regional Bruno Boaventura fez um pedido à população de Araguaína e municípios vizinhos para que continuem a colaborar com a Polícia Civil denunciando qualquer tipo de ação criminosa, por meio do disk-denúncia (63) 34117309 e 34117361.

Comentários pelo Facebook: