Seet
Sobral – 300×100

Polícia captura 4 dos 12 detentos fugitivos e nega boatos sobre arrastões e tiroteios

Redação -
Foto: Reprodução
Buraco feito com dinamite pelos bandidos

Por meio de nota oficial enviada à imprensa na manhã desta segunda-feira (06), a Secretaria de Cidadania e Justiça e a Polícia Militar informaram que 4 dos 12 presos fugitivos da Casa de Prisão Provisória de Palmas foram capturados.

Segundo a Secretaria, um deles foi preso no momento da fuga, por volta das 19h40 deste domingo (05), por agentes que trabalham na unidade prisional com apoio da Polícia Militar. O detento estava com a perna ferida.

Outros dois foram presos nas proximidades de uma feira popular, chamada Feira do Bosque, na quadra 502 Sul, no centro da cidade. Já o quarto preso, foi recapturado na Avenida Teotônio Segurado – uma das principais de Palmas, na região sul da cidade.

Também conforme a Secretaria, antes disso, logo após acionada, a Polícia Militar conseguiu evitar que 10 também fugissem. Uma força tarefa foi montada de imediato e, neste momento, está empenhada nas buscas dos oito fugitivos. A corporação conta com a ajuda do helicóptero da Secretaria da Segurança Pública (SSP). Barreiras foram montadas nas entradas da cidade.

Os órgãos de segurança orientam aos moradores de chácaras vizinhas ao presídio e demais públicos que circulam na região, a redobrar a precaução e alertar a polícia sobre qualquer movimento diferente na rotina do local.

A PM pediu que a população fique tranquila quanto aos boatos disseminados irresponsavelmente nas redes sociais, ‘de que Palmas estaria sofrendo onda de assaltos (arrastões) e tiroteios em diversos pontos da cidade’.

Conforme ressalta a corporação, houve de fato uma fuga de detentos da Casa de Prisão Provisória de Palmas, onde a PM conseguiu impedir que um número maior de presos fugissem.  Mas, não houve nenhum ato de desordem pública, nenhuma ocorrência de arrastão e tampouco tiroteio em Palmas.

FUGA 

Na noite de ontem (05), 12 detentos fugiram da Casa de Prisão Provisória de Palmas usando dinamite. Eles explodiram um muro da cadeia para sair. Segundo apurado, para chegar até o pátio, os criminosos teriam cavado um túnel.

A Casa de Prisão Provisória de Palmas tem capacidade para 280 presos, mas atualmente possui mais de 700 detentos. Recentemente, Gleidy Braga entregou o comando da Secretaria de Cidadania e Justiça, que administra os presídios. Assumiu a pasta o coronel Glauber de Oliveira Santos, que chefiava a Polícia Militar.

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários pelo Facebook: