Seet
Sobral – 300×100

Polícia prende em Goiás irmãos acusados de executar família de ciganos próximo a Wanderlândia

Agnaldo Araujo - |
Foto: AF Notícias
Os irmãos chegaram em Araguaína no início da noite da última quinta, 18

Os irmãos Oranilton Pereira dos Santos e Claudemario Pereira dos Santos foram presos na cidade de Posse (GO), nesta terça-feira (16/08). Eles são acusados de matar a tiros cinco pessoas de uma família de ciganos. O caso ocorreu após um capotamento na BR-153, próximo a Wanderlândia (TO), norte do Estado, no dia 27 de julho de 2016.

No total, sete pessoas viajavam no veículo (duas crianças, dois idosos, dois jovens e uma mulher), sendo que cinco foram mortas a tiros e duas, entre elas, uma criança de cinco anos, conseguiram escapar. O motivo do crime seria uma rixa entre famílias.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), os irmãos foram presos pela Polícia Civil de Goiás. Eles devem ser recambiados para o Tocantins ainda esta semana.

Conforme a delegada Simone Aparecida de Melo, responsável pelas investigações, uma testemunha teria ouvido os acusados confessando o crime.

Entenda

O acidente foi registrado no dia 27 de julho e ocorreu após o motorista do carro, um Fiat Pálio Weekend, com placa de Campina Grande (PB), ter sido alvejado com tiros na cabeça e no braço. Em seguida, ele perdeu o controle e capotou o veículo.

Após o capotamento, homens teriam ido até o carro e executados os sobreviventes. A mulher sobreviveu porque ela teria fingido estar morta e tapado a boca de uma das crianças. Uma pistola também foi encontrada dentro do carro.

      

Comentários pelo Facebook: