Sobral – 300×100
Seet

Polícia prende homem que aterrorizava mulheres com vários roubos de celulares

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação/SSP
O suspeito roubava celulares de diversas mulheres no distrito de Luzimangues

Um suspeito de aterrorizar mulheres no Distrito de Luzimangues, em Palmas, foi preso na tarde desta terça-feira (24/01). Deonicio dos Santos, de 45 anos, foi capturado quando estava em sua própria residência, durante uma ação conjunta realizada por policiais civis da Delegacia do Distrito de Luzimangues, sob a coordenação do delegado Rossílio  Souza Correia, com apoio da Polícia Militar.

Conforme o delegado, o suspeito estava cometendo vários assaltos contra mulheres, que residem no distrito já há algum tempo. Após ser detido, ele confessou aos policiais com detalhes vários roubos cometidos. De acordo com as investigações da Polícia Civil, para realizar os crimes, Deonicio usava uma motocicleta Biz, de cor vermelha, além de faca e canivete.

Após ser detido, o suspeito levou os policiais até um terreno baldio, onde teria escondido a bolsa e os documentos pessoais de uma de suas vítimas. Ele também afirmou que teria vendido vários aparelhos celulares que roubava de vítimas, na Vila União. Deonicio dos Santos foi autuado pela prática do crime de roubo majorado, mas em princípio, conforme determina a lei, responderá ao inquérito policial em liberdade, devido ao fato de não ter sido preso em flagrante delito.

No entanto, devido à gravidade dos fatos, o delegado Rossílio, responsável pelo caso, representará, junto ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do suspeito. “Depois de algumas semanas de trabalhos investigativo, em parceria com a Polícia Militar, conseguimos lograr êxito em localizar e deter o principal suspeito pela prática de inúmeros roubos contra mulheres, no distrito e desta maneira, vamos pedir sua prisão preventiva, devido ao fato de que o mesmo ser de grande periculosidade, sendo que, inclusive,  utilizava-se de armas brancas, ameaças e violência para consumar os roubos”, pontuou o delegado.

Comentários pelo Facebook: