Seet
Sobral – 300×100

População não consegue marcar exames em Unidade Básica de Saúde de Araguaína

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação
A moradora cobrou uma solução

Uma mulher ficou revoltada ao levar seu afilhado para fazer exame na Unidade Básica de Saúde Manoel Maria, no Setor Cimba. Ela contou que procurou a unidade na manhã da última sexta-feira (03), mas não conseguiu marcar o procedimento.

A mulher afirmou que uma médica consultou a criança e solicitou um hemograma, mas recebeu a informação de que não estava fazendo o exame na UBS. “A moça responsável por marcar falou que não está fazendo nenhum tipo de exame e disse que não tem nem previsão de quando vai normalizar”, contou.

Ela também reclamou do horário de atendimento nas unidades de saúde, apenas pela manhã. Conforme a moradora, isso gera muita demanda e dificulta a marcação de consultas.

“Fica difícil. Quem trabalha e só tem o período da tarde para tomar uma vacina, por exemplo, ou mesmo consultar, e o posto de saúde só abre pela manhã. Antes era o dia todo”, afirmou.

Outro lado

Em nota, a prefeitura de Araguaína informou que o atendimento nas Unidades Básicas de Saúde está sendo reestruturado e que novos médicos e mais profissionais estão sendo contratados. “Em breve, na nova reestruturação, o atendimento será de oito horas e posteriormente, 12 horas”, ressaltou. A prefeitura ainda informou que o agendamento de consultas é feito com hora marcada, possibilitando que o paciente concilie o atendimento com sua rotina de casa ou do trabalho.

Em relação ao exame de hemograma, a prefeitura esclareceu que está formalizando contrato com o laboratório e nas próximas semanas já estará sendo realizado normalmente em todas as UBS.

Comentários pelo Facebook: