Sobral – 300×100
Seet

Prefeito e deputado estadual são alvos de operação que investiga desvios de R$ 4 milhões em Araguatins

Redação AF - |
Foto: Divulgação
Polícia Federal cumpre mandados na Prefeitura de Araguatins.

A cidade de Araguatins, no norte do Estado, amanheceu repleta de policiais federais, nesta terça-feira (1º). Os agentes cumprem vários mandados expedidos pela Justiça Federal em operação, denominada Full Hause, que investiga desvios de recursos federais em obras de creches e escolas executadas pela Prefeitura Municipal.

Os agentes estão cumprindo mandados de busca e apreensão de documentos e de condução coercitiva na prefeitura e em várias residências de agentes públicos municipais.

A Polícia Federal estima que o esquema de fraude tenha desviado cerca de R$ 4 milhões do erário.

Estão sendo cumpridos mandados também nas cidades de São Bento, Palmas, Araguaína e Imperatriz-MA. Os alvos são o deputado estadual e ex-prefeito, Rocha Miranda (PMDB), o atual prefeito Lindomar Madalena (PSB), secretários municipais, chefes de licitação e empresários.

Ao todo estão sendo cumpridos 14 mandados de busca e apreensão e 10 de condução coercitiva. Os 24 mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal, em Brasília, por causa do for privilegiado do deputado Rocha Miranda, que também teve suas residências em Araguatins e Palmas sendo alvo da Operação, ele vai depor coercitivamente na sede da Polícia Federal, em Palmas. Já o prefeito Lindomar Madalena prestará depoimento em Araguaína.

A investigação revelou a existência de esquema criminoso que operava desvio de recursos públicos federais através de fraude em licitações que ocorriam a partir de três empresas criadas e mantidas por pessoas ligadas por relações de parentesco e amizade com o prefeito.

De acordo com a Polícia Federal, uma das empresas tem como responsável o genro do deputado estadual, a outra empresa tem como responsável o ex-­secretário municipal de Administração, atualmente assessor parlamentar do deputado e a terceira empresa foi criada apenas para participar das fraudes nos processos licitatórios daquele município.

Entre as 11 obras, algumas foram concluídas, porém a maioria encontra-­se inacabada, tais como 3 creches do programa Pro-infância, um posto de saúde e a casa da cultura de Araguatins.

Full House

O nome Full House (casa completa) faz alusão a um jogo do Poker, quando um jogador que possui 5 cartas tem uma trinca, em alusão às três empresas citadas, e uma dupla ­ os mentores do esquema fraudulento.

Foto: Divulgação
PF cumpre mandados em várias residências.

img-20161101-wa0011

Comentários pelo Facebook: