Presidente de Câmara é preso por porte ilegal de arma de fogo após ameaçar homem

Agnaldo Araujo - |
Foto: Divulgação
Presidente da Câmara apontou a arma para uma pessoa na porta dos Correios, em Cristalândia

Nielcem Fernandes // AF Notícias

O vereador Washington Luiz Moreira Rosal (SD), presidente da Câmara Municipal de Cristalândia (TO), foi preso em flagrante pela Polícia Civil nesta quinta-feira (7) por porte ilegal de arma de fogo.

A polícia recebeu uma denúncia de que o vereador teria ameaçado um cidadão com uma arma de fogo em frente à agência dos Correios.

No local, a polícia apreendeu com o vereador um revolver calibre 38 e seis munições intactas que estavam no banco do carona do carro de propriedade de Washington.

Ao ser questionado, o parlamentar admitiu que não possuía porte de arma e foi encaminhado para a Delegacia. Washington pagou fiança, foi liberado e responderá o processo em liberdade.

Foto: Divulgação
O vereador foi liberado após pagar fiança e vai responder em liberdade

Outros crimes

Rosal responde por outro caso de ameaça, em 2014, contra um fazendeiro da região. Os dois disputam a posse de 80 cabeças de gado.

Em 2005, quando era fiscal da Receita Estadual, Washington foi alvo de um mandato de busca e apreensão acusado de facilitar o transporte irregular de mercadorias mediante extorsão.

Na época, foram encontradas – além da enorme variedade de mercadorias – uma pistola 7,65 mm, um revólver calibre 38 e quatro caixas de munição e o servidor foi indiciado e passou a responder por crime contra a Administração Pública e por porte ilegal de arma.

Foto: Reprodução Facebook
Em 2005 Washington Luiz já havia sido indiciado por porte ilegal de arma de fogo e crime contra a administração pública

VÍDEO

Comentários pelo Facebook: