Seet
Sobral – 300×100

Preso confessa ter atirado no rosto de instrutor durante assalto a autoescola

Agnaldo Araujo -
Foto: Divulgação/SSP
A dupla foi presa pela Polícia Civil

A Polícia Civil do Tocantins prendeu a dupla suspeita de assaltar uma autoescola e atirar no rosto de um instrutor em Gurupi, no sul do Estado. O crime ocorreu na manhã dessa segunda-feira (26) e os suspeitos foram capturados na noite do mesmo dia.

Segundo as investigações, dois criminosos entraram na autoescola armados, anunciaram o assalto e mantiveram três alunos na mira das armas. Os bandidos recolheram celulares, carteiras e saíram, mas eles voltaram pouco depois para pegar um capacete, momento em que um dos ladrões atirou no rosto do instrutor.

A vítima foi identificada como Vilmar Alves Pereira, de 48  anos. O trabalhador foi socorrido e encaminhado ao Hospital Regional de Gurupi.

As diligências da polícia resultaram na prisão de Douglas Fernandes, de 20 anos, e Lucas Pereira Batista, de 24 anos, pela prática do crime de tentativa de latrocínio.

Ao ser ouvido pelo delegado Hélio Domingos de Assis Alves, Lucas assumiu ter efetuado o disparo no rosto do instrutor. Juntamente com a dupla, também foi preso Pietro Marques Teixeira, de 20 anos, o qual é acusado pelo crime de receptação.

A motocicleta e as duas armas de fogo utilizadas no roubo foram apreendidas pelos investigadores, juntamente com os celulares roubados. Os agentes apreenderam ainda porções de maconha, dinheiro e mais oito aparelhos de telefone celular pertencentes a outras vítimas.

Os envolvidos foram apresentados na central de flagrantes da Polícia Civil e, após a realização das providências legais cabíveis, foram encaminhados à Casa de Prisão Provisória de Gurupi, onde permanecerão à disposição da justiça.

Foto: Divulgação/SSP
Objetos apreendidos com os suspeitos

Comentários pelo Facebook: